Cultura

Foto: Emerson Silva

Como resultado da parceria entre Secretaria Estadual de Cultura (Secult) e Fundação Nacional das Artes (Funarte), foi realizada uma roda de conversa com o representante das regiões Norte e Nordeste, Naldinho Freire, e artistas, agentes e produtores culturais do Estado. A iniciativa aconteceu no Teatro de Bolso do Memorial Coluna Prestes na tarde dessa quarta-feira, 4, e também tem a Universidade Federal do Tocantins (UFT) como parceira do evento. 

Entre as demandas apresentadas pela classe artística presente está a regionalização e democratização dos editais da Funarte, bem como a necessidade de mecanismos de preservação e circulação nacional dos produtos culturais. 

De acordo com a Assessora Técnica de Planejamento da Secult, Luara Aquino, a parceria com a Funarte traz possibilidades de espaços de formação e experiências culturais. “Esse momento também vem reafirmar a parceria entre a Secult e a UFT no intuito de fortalecer ações que tornem possível a realização de oficinas, intercâmbios, circulação e mostras com abrangência nos setores criativos trabalhados pela Funarte”, explicou. 

O representante da Fundação agradeceu a Secretaria por reafirmar o compromisso de parceria entre as instituições e explicou que o objetivo da criação da representatividade do Norte e Nordeste do país é aproximar e promover o intercâmbio cultural entre as duas regiões. “É a primeira vez venho ao Tocantins e agradeço ao Secretário de Cultura Melck Aquino, que nos procurou para sermos parceiros na promoção da cultura aqui no Estado. A oficina sobre fotografia que estamos realizando é o primeiro passo para potencializar os espaços de formação do Norte”. 

Durante o diálogo ele também explicou que as demandas apresentadas pelos artistas locais são pontos que já vem sendo discutidos e estudados pela equipe técnica da Fundação para a melhoria dos editais.