Estado

A Semana Nacional da Conciliação começa nesta segunda-feira (23/11) com mais de 3 mil processos incluídos na pauta de julgamento no Tocantins. A abertura oficial do mutirão será feita pelo presidente do Tribunal de Justiça no Tocantins, desembargador Ronaldo Eurípedes, no Tribunal Pleno do TJTO, às 9 horas. A solenidade será transmitida via satélite para todas as comarcas.

Logo após o evento de abertura serão realizadas audiências de conciliação de 2º grau na sede do Tribunal, com apoio do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Soluções de Conflitos (Nupemec), que é coordenado pela juíza Umbelina Lopes Pereira, também coordenadora da Semana Nacional da Conciliação no Tocantins.

Além da Capital, mais 23 comarcas participam deste esforço concentrado criado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para disseminar a cultura da paz e do diálogo.

Sobre a Semana

Realizadas desde 2006, as semanas nacionais já resultaram em R$ 1,25 milhão de acordos, superando R$ 7 bilhões em valores homologados. No Tocantins foram realizadas no ano passado 2.862 audiências em 25 comarcas durante a Semana Nacional da Conciliação, que resultaram em 1.208 acordos, gerando R$ 4,8 milhões em valores homologados.

A coordenadora do Nupemec ressalta que o Poder Judiciário Tocantinense trata a conciliação e mediação como política pública de tratamento adequado de conflito. Segundo a juíza Umbelina Lopes Pereira, “as ações desenvolvidas combatem a morosidade, contribuem com a diminuição do acervo e, principalmente, favorece a pacificação social”.

Por: Redação

Tags: Tribunal de Justiça