Economia

Foto: Divulgação

Desenvolvendo ações integradas de segurança, promoção da saúde, educação contínua e qualidade de vida em chão de empresa, o programa Mobilizar em Segurança e Saúde no Trabalho, do Serviço Social da Indústria – SESI Tocantins, se aproxima do final do ano com mais de 11 mil trabalhadores industriais atendidos.

Nesta semana (23 a 27/11) os técnicos da instituição estiveram na empresa Arne 12 Incorporações, de Palmas, onde desenvolveram uma série de atividades. Na semana seguinte (30/11 a 04/12) estarão na Politec, também de Palmas, e encerram a programação deste ano (07 a 11/12) na empresa CDA, de Paraíso do Tocantins.

“Achei tudo muito bom. Foi a primeira vez que fiz um treinamento como esse, aprendi coisas que não sabia. Já me preocupava com essa questão de segurança, mas agora muito mais ainda, faltava o conhecimento que eu não tinha”, revela Carlos Gomes Lobo, trabalhador da construção civil em Palmas. Assim como ele, André Vieira agradece os conhecimentos adquiridos. “Sempre tive preocupação com a segurança, mas agora vou ter muito mais. Trabalho nas alturas (em prédios) e sei que preciso ter mais cuidado com a vida”, diz.

Mário Nelson, engenheiro civil da empresa Arne 12 Incorporações e chefe imediato de Carlos e André, explica que o treinamento em segurança e saúde acontece ao longo do ano, e justamente na Semana de Prevenção de Acidentes de Trabalho (SIPAT) o Sesi chega com o  Mobilizar para coroar o trabalho. “É um excelente parceiro”, afirma, destacando que todas as palestras ministramos na empresa foram através do Sesi, e que certamente seus colaboradores vão aplicar o que aprenderam no decorrer de suas vidas.

Aline de Oliveira, fisioterapeuta do Sesi Tocantins, conta que tudo vem acontecendo conforme planejado, e que as atividades do Mobilizar em 2015 foram realizadas com sucesso. “O que mais me chama atenção é que apesar da gente estar sempre falando disso, percebemos que os trabalhadores estão conscientizados da importância da segurança e saúde na vida deles. Portanto, nós estamos ali (no chão de empresa) somente para frisar, deixar eles sempre lembrados da importância de se protegerem”, garante. Os trabalhadores, segundo Aline, são muitos receptivos. “Quando chegamos nos acolhem bem, assim como as empresas que abrem a portas para nós. Por onde passamos só recebemos elogios, o feedback é positivo”.

Em sua 5ª edição no Tocantins, o Mobilizar, que acontece exatamente na Semana Interna de Prevenção de Acidentes (SIPAT) das empresas, visa contribuir para a redução do número de acidentes de trabalho no Estado, que atualmente ocupa a 11ª posição no ranking nacional e a 4ª na Região Norte do Brasil, com mais casos de acidentes registrados.