Polí­tica

Foto: Divulgação

Encerra nesta quarta-feira (4/5), o prazo para o eleitor que deseja fazer alistamento, transferência, atualização cadastral, solicitação de serviços especiais, entre outros. Se você tem alguma pendência com a Justiça Eleitoral procure já o Cartório e regularize-se. Após 4 de maio, com o fechamento do Cadastro Eleitoral, os serviços só serão oferecidos novamente depois das eleições 2016.

Para atender melhor o eleitor e agilizar os serviços, o Cartório Eleitoral de Palmas intensificou a quantidade de pessoal e ativou novo espaço de atendimento. Na capital o cartório atende de 8h às 18h.

Nessa terça-feira (3/5) o número de atendimento chegou a um novo recorde, contabilizando 6.335 atendimentos realizados pelas 35 Zonas Eleitorais. Na 29ª ZE de Palmas, maior colégio eleitoral do Estado, foram atendidos 1.238 eleitores, seguida pela 1ª ZE de Araguaína com mais de 400 atendimentos e pela 2ª ZE de Gurupi com 398.

Documentos

Quem for tirar o título de eleitor pela primeira vez deve comparecer ao cartório eleitoral com documento de identificação com foto, comprovante de residência recente e comprovante de quitação militar para os homens. A Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e o novo modelo de passaporte não são aceitos para efeito de inscrição eleitoral.

No caso de transferência, o cidadão deve levar o título de eleitor, comprovantes de votação ou de justificativa feita em eleições anteriores, documento de identificação e comprovante de residência recente.

TSE

A partir do dia 5 de maio, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) fará o processamento do cadastro eleitoral, com os dados atualizados dos eleitores em todo o País que estarão aptos a votar no pleito de outubro. Os dados devem ser divulgados pela Corregedoria-Geral Eleitoral (CGE) em meados do mês de julho.

De acordo com as estatísticas do TSE referentes ao mês de março, o Brasil conta com 145.537.177 eleitores. (Matéria atualizada às14h01min)