Educação

Foto: Divulgação

O Instituto Federal do Tocantins (IFTO) lança seu primeiro processo seletivo e vestibular unificado, para ingresso de estudantes para o ano letivo 2017/1. No total, 2.105 vagas serão ofertadas, e estão distribuídas entre os cursos técnicos integrados ao médio, concomitantes e subsequentes e os cursos superiores.

As inscrições para o processo seletivo e vestibular unificado começam na próxima segunda-feira, 3, e seguem até 13 de novembro. As taxas de inscrição variam de acordo com o tipo de curso escolhido pelo candidato: R para os cursos técnicos integrados ao médio; R$ 10 para os cursos técnicos concomitantes e subsequentes; e R$ 25 para os cursos superiores. Os candidatos que se enquadrarem no perfil e tiverem interesse em solicitar a isenção de taxa de inscrição deverão realizar a solicitação entre os dias 3 e 21 de outubro.

Para efetuar a inscrição e acompanhar as publicações referentes ao processo, os candidatos deverão acessar o novo hotsiteifto.edu.br/seletivounificado/, criado exclusivamente para o seletivo e vestibular unificado.

Reserva de vagas

O IFTO reserva 50% do total de vagas para os estudantes que estudaram todo o ensino fundamental em escola pública. Além disso, também há vagas destinadas para ações afirmativas, e beneficiam candidatos com deficiência; afrodescendentes residentes em quilombolas; assentados pela reforma agrária; indígenas; ou que sejam egressos do Instituto de Menores do Estado do Tocantins (antigo Instituto São José) que comprovem o vínculo com o instituto no último ano de funcionamento: 2012.

Assistência aos estudantes

Além de ofertar cursos de graça, o IFTO dá auxílio financeiro aos estudantes que precisam de ajuda para que consigam finalizar os estudos. Cada campus do Instituto possui uma divisão dos tipos de auxílio ofertados aos estudantes, mas os principais benefícios concedidos são auxílio-transporte e auxílio-alimentação. Os benefícios integram o Programa de Assistência Estudantil do IFTO, e para conhecer o programa acesse apágina da Diretoria de Assuntos Estudantis.

Por: Redação

Tags: IFTO