Campo

Para consolidar a cultura do milho safrinha e atender demanda de pesquisa repassada pelos produtores rurais em reuniões e palestras realizadas em diversas regiões produtoras do Estado do Tocantins, a Embrapa e seus parceiros realizarão o seminário "Milho Safrinha: Tendências e Desafios". O evento acontecerá no Auditório da Embrapa Pesca e Aquicultura, dia 10 de agosto, na capital Palmas, e reunirá produtores rurais, consultores, cooperativas, técnicos extensionistas, técnicos de empresas privadas e estudantes.

"No evento, serão divulgados os resultados da Rede Estadual de Avaliação de Cultivares de Milho e Soja. A rede é formada pela Embrapa, Secretaria de Estado da Agricultura e Pecuária do Tocantins (Seagro) e empresas de sementes que atuam na região", informa o pesquisador Rodrigo Veras, da Embrapa Milho e Sorgo(Sete Lagoas-MG), organizador do seminário. Veras atua no Núcleo Temático de Sistemas Agrícolas da Embrapa, no Tocantins.

Segundo Veras, a divulgação de informações técnicas e qualificadas sobre o cultivo do milho safrinha aos produtores, técnicos e extensionistas do Estado do Tocantins contribuirá para o desenvolvimento e a consolidação da cultura na região. "Vamos apresentar o contexto atual do milho safrinha e mostrar as tendências e os desafios para a cultura no estado. Também vamos falar sobre o zoneamento agrícola para o milho safrinha no Tocantins, que foi oficialmente registrado no final do ano passado", diz o pesquisador.

Na ocasião, o pesquisador Antônio Marcos Coelho, da Embrapa Milho e Sorgo, abordará o tema fertilidade do solo, exigências nutricionais e adubação de sistema (soja/milho). "Esse é um tema amplamente demandado por técnicos e produtores de milho do Tocantins", afirma Veras.

O seminário contará com a presença dos chefes-gerais da Embrapa Pesca e Aquicultura, Carlos Magno Campos da Rocha, e da Embrapa Milho e Sorgo, Antônio Álvaro Corsetti Purcino. Também estarão presentes o secretário de agricultura do Estado do Tocantins, Clemente Barros Neto, e os chefes-adjuntos da Embrapa Pesca e Aquicultura: Alexandre Aires de Freitas (Transferência de Tecnologia), Eric Arthur Bastos Routledge (Pesquisa e Desenvolvimento), e Rogério Almirão Sobreira (Administração).

O evento será encerrado com uma homenagem aos produtores rurais que apoiam os trabalhos de pesquisa e transferência de tecnologias em suas fazendas.