Polí­cia

Foto: Divulgação

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/TO), encaminhou nota à imprensa informando confiar na apuração do assassinato do advogado Danilo Sandes Pereira. O corpo do advogado foi encontrado próximo do entroncamento com Babaçulândia, em estado avançado de decomposição. 

Segundo a OAB/TO, o corpo tinha marcas de lesões, sangue e até marcas de queimaduras. “Tivemos total apoio das autoridades. Confiamos na Polícia e nas forças de segurança para que tudo seja esclarecido. Aos familiares, deixamos aqui os nossos mais sinceros votos de força neste momento de dor imensurável”, destacou o presidente da OAB-TO, Walter Ohofugi.

O velório e o enterro de Danilo Sandes vão ocorrer no cemitério Jardim das Paineiras, em Araguaína. O horário ainda não foi definido. A OAB-TO decretou luto oficial de três dias.

Confira nota na íntegra 

Em luto, advocacia confia em apuração de brutal assassinato de Danilo Sandes Pereira

Depois de cinco dias de angústia, aflição, esperança e tristeza, a pior das notícias se confirmou para advocacia: morador de Araguaína, o advogado Danilo Sandes Pereira, 30 anos, foi brutalmente assassinado.

O corpo do advogado foi encontrado a 18 quilômetros da cidade, próximo do entroncamento com Babaçulândia. Em estado muito avançado de decomposição, o corpo tinha marcas de lesões, sangue e até marcas de queimaduras.

Em clima de pesar, a OAB-TO (Ordem dos Advogados do Brasil no Tocantins) e OAB em Araguaína esperam uma apuração rigorosa das autoridades para que o caso seja elucidado e o responsável (ou responsáveis) preso (os). Durante estes cinco dias, a Secretaria de Segurança Pública, através da Polícia Civil, e a Polícia Militar, deram total apoio à advocacia nas investigações e no trabalho para localizar o corpo.

“Tivemos total apoio das autoridades. Confiamos na Polícia e nas forças de segurança para que tudo seja esclarecido. Aos familiares, deixamos aqui os nossos mais sinceros votos de força neste momento de dor imensurável”, destacou o presidente da OAB-TO, Walter Ohofugi.

Atuante nos trabalhos de buscas por Danilo Sandes desde o início da comunicação do desaparecimento, o presidente da OAB Araguaína, José Quezado, disse estar profundamente triste com a confirmação da tragédia. “Hoje é um dia de tristeza para toda nossa categoria. Jovem, Danilo Sandes tinha uma carreira pela frente que foi cruelmente interrompida”, frisou Quezado.

O velório e o enterro de Danilo Sandes vão ocorrer no cemitério Jardim das Paineiras, em Araguaína. O horário ainda não foi definido. A OAB-TO decretou luto oficial de três dias.

Por: Redação

Tags: Danilo Sandes, OAB