Estado

Foto: Fernando Ferreira A entrega foi realizada no Santuário do Senhor do Bonfim A entrega foi realizada no Santuário do Senhor do Bonfim
  • Dom Romualdo Matias Kujawiski, bispo da Diocese de Porto Nacional, agradeceu ao governador/ Foto: Frederick Borges

O governador Marcelo Miranda corrigiu uma morosidade histórica e tornou realidade uma reivindicação antiga da Mitra Diocesana de Porto Nacional, ao entregar o Título Definitivo da área do Santuário do Senhor do Bonfim. A entrega foi realizada nesta terça-feira, 15, no Santuário, com a presença da primeira dama do Estado, deputada federal Dulce Miranda, entre outras autoridades.

De posse do documento, Dom Romualdo Matias Kujawiski, bispo da Diocese de Porto Nacional, agradeceu a conquista. "Agradeço ao governador, foi uma providência de Deus esse ato", destacou.

Para o governador Marcelo Miranda, a entrega do documento teve um significado especial. "O Senhor do Bonfim nos deu mais essa oportunidade, desta vez, de entregar à Mitra esse título. É uma vitória de todos. Uma emoção muito grande estar junto dos milhares de romeiros nesse lugar abençoado. É uma demonstração da nossa fé, e mais ainda, de agradecimentos pelas graças e pela renovação de nossas esperanças”, declarou.

Dulce Miranda também reforçou a importância do Título Definitivo. "Há mais de dois séculos as pessoas vêm aqui fazer e também cumprir as suas promessas pelas graças recebidas, então esse título pertence a todos", disse a primeira dama.

Santuário

A área total do Santuário do Senhor do Bonfim, que fica localizado no município de Natividade, na região sudeste do Tocantins, é de pouco mais de 61 hectares e a titulação se arrastava desde 1991.

Atualmente, cerca de 30 famílias vivem no local, segundo o reitor do Santuário, padre Leomar Sousa.

Festejo

O Festejo do Senhor do Bonfim é realizado há mais de dois séculos e deu origem à primeira igreja do povoado, em 1.750. De acordo com os dados históricos, um vaqueiro encontrou uma imagem do Senhor do Bonfim em cima de um toco de árvore e a levou para Natividade, no entanto, ela voltou a aparecer inexplicavelmente no mesmo local.

Como o Santo não parava na cidade, os devotos começaram a realizar a caminhada até o local onde está localizado o pequeno povoado. O local é visitado por milhares de devotos do Tocantins e até de outros estados. Muitos percorrem longas distâncias a pé até o Santuário, para agradecer a graça recebida. 

O encerramento da festa ocorre no próximo dia 17, com a Missa dos Romeiros, que é um dos momentos de maior emoção dos 11 dias de oração no local.