Geral

Os corpos do mecânico Domingos Sampaio de Carvalho, 67 anos, e de Afonso Lima da Silva, 65, foram localizados na manhã desta terça-feira, 29 de janeiro, às 8h30 e 10h10, respectivamente, no Lago da Usina Hidrelétrica do Lajeado. Os amigos desapareceram na tarde do dia 26, quando pescavam em uma canoa, nas imediações da Chácara Fama, KM 20 da TO-050 (Palmas-Lajeado).

As buscas iniciaram na manhã de domingo, quando mergulhadores do Corpo de Bombeiros fizeram uma varredura no local indicado por uma testemunha. Na segunda-feira, os bombeiros passaram a fazer buscas na superfície do Lago. Os corpos foram localizados por um amigo da família, que acompanhava o trabalho dos bombeiros. De acordo com uma moradora da região, ambos estavam em uma canoa de pequeno porte, com motor do tipo rabeta, que naufragou com a marola causada pelo vento.

Em 2007, o Corpo de Bombeiros registrou 15 ocorrências de busca de cadáveres, em vários municípios, e outros 6 afogamentos seguidos de morte, além de prestar auxílio a 6 embarcações à deriva. O maior número de acidentes ocorre fora da temporada de praias. Das buscas, mais de 30% ocorreram no mês de novembro e 4 dos afogamentos com óbito foram em fevereiro e setembro.

O Corpo de Bombeiros lembra aos pescadores e turistas que freqüentam o Lago e rios do Estado sobre a necessidade de se observar as normas de segurança. O uso de coletes salva-vidas é obrigatório em qualquer circunstância e as embarcações devem ser adequadas ao local.

Dicas de Segurança:

Embarcações:

As embarcações só podem ser pilotadas por maiores de 18 anos, com carteira de habilitação fornecida pela Marinha;

As embarcações devem estar em perfeitas condições de uso: sempre com o motor revisado e o casco intacto;

Para as embarcações, o celular é item de segurança indispensável, mas deve ser protegido da água;

Os usuários de jet ski também devem respeitar a sinalização existente, principalmente a área reservada aos banhistas;

O uso de coletes é obrigatório em todas as embarcações, tripulantes e passageiros, inclusive para os usuários de jet ski.

Os passageiros de lanchas e barcos devem usar roupas adequadas (leves), pois em caso de acidente há maior facilidade para se locomover. Essa dica também vale para os pescadores.

Banhistas

Só tome banho em local seguro, de preferência que você conhece;

Evite mergulho profundo e jamais mergulhe sozinho;

Nunca entre na água depois de comer ou beber muito;

Respeite a sinalização do Corpo de Bombeiros, Marinha e/ou Prefeitura;

Não vá além das áreas recomendadas para banho;

Pare quando a água atingir a linha do umbigo;

Evite rios com correnteza e pedras;

Para evitar ataque de arraias, não fique em locais isolados;

Use protetor solar e beba muito liquido;

Se alguém estiver se afogando, chame o Corpo de Bombeiros. Só entre na água pra salvar alguém se souber nadar, tiver resistência física e conhecer o local. O ideal é que o socorro seja feito por duas pessoas experientes;

Mantenha as crianças próximas, de preferência com alguma identificação. Jamais perca os filhos de vista;

 

Da redação com informações Ascom Corpo de Bombeiros militar

Por: redação

Tags: Lago UHE Lajeado