Campo

Foto: Divulgação

O laticínio da Coopermira – Cooperativa dos Produtores Rurais de Miracema foi interditado por tempo indeterminado, na manhã desta sexta-feira, 22. A ação foi realizada pelos fiscais da Adapec – Agência de Defesa Agropecuária do Tocantins, depois de terem encontrado incoformidades na produção do leite pasteurizado, comprovadas por meio de análises laboratoriais (microbiológicas e físico-químico).

Outros seis laticínios do Estado tiveram amostras do leite pausterizado coletado pela Adapec e enviadas ao laboratório do Centro de Pesquisa em Alimentos da Escola de Medicina Veterinária da Universidade Federal de Goiás, para análise. Logo que os resultados forem sendo concluídos, os fiscais da Adapec atuarão junto às empresas, solicitando adequações, multando ou interditando.

De acordo com o presidente da Agência, Humberto Camêlo, a interdição está embasada no Decreto Estadual 343/1996, do Serviço de Inspeção Estadual, e visa a melhoria das condições de consumo dos produtos lácteos, protegendo a saúde pública. “Depois que todos os laticínios forem avaliados no quesito leite pasteurizado, faremos análises do queijo e outros derivados produzidos no Tocantins”, comentou o presidente da Adapec.

Segundo o coordenador de Inspeção Animal do órgão, Francisco Ramos, com a interdição do laticínio, o empresário fica proibido de fabricar e comercializar todos seus produtos. “Durante a fiscalização foi elaborado um termo de ajuste com as medidas a serem tomadas pela empresa para sua readequação e, quando corrigidas, a Adapec retornará para vistoria e fará nova coleta de amostra de leite para análise. A partir disso, se tudo estiver de acordo, o estabelecimento será liberado para funcionamento”, explica o coordenador.

Laticínios

Foram colhidas amostras do leite pasteurizado para análise microbiológica e físico-químico dos seguintes laticínios: Coopermira, Queijos Paraíso, Coopag, Palmelat, Coopla, Leite Mel e Leite Carinho.

Reunião

Dentro das ações do Serviço de Inspeção Estadual, médicos veterinários da Adapec participam, nesta segunda-feira, 25, de reunião sobre o Programa de Prevenção a Encefalopatia Espongiforme Bovina. O encontro acontece na sede da SFA - Superintendência Federal da Agricultura, em Palmas, a partir das 7h30. Participarão da reunião, o coordenador geral de Inspeção do Mapa – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Március de Freitas, e o gestor nacional do Programa de Prevenção a EEB, Alexander Dornelles.

 

Fonte: Secom

Por: redação

Tags: Miracema do Tocantins, campo