Polí­tica

Foto: Umberto Salvador Coelho

Os trabalhos da Assembléia nesta manhã de terça-feira, 26, foram marcados pelos debates em torno da qualidade do ensino público no Tocantins. O deputado Ângelo Agnolin (DEM), subiu à tribuna e disse que, em sessões anteriores, durante a divulgação dos resultados do ENEM 2007 – Exame Nacional do Ensino Médio, a Secretária estadual de Educação, Dorinha Seabra, foi submetida a um verdadeiro fuzilamento.

Agnolim citou várias matérias publicadas em veículos de imprensa nacional que exaltavam a educação do Estado. Segundo ele os alunos que influenciaram na má colocação – o Estado ficou em último lugar na avaliação do ENEM 2007 – vieram de outras regiões como imigrantes.

A fala do deputado foi rebatida pelo deputado Cacildo Vasconcelos (PP) que disse que as críticas foram feitas pelo colega de partido de Agnolin, César Hallun (DEM), e indagou “se a educação vai tão bem assim, porque estamos em último lugar?”.

A deputada e Presidente da Comissão de Educação, Josi Nunes (PMDB), também se pronunciou e disse que “não são dados puros e secos que refletem os resultados da educação no Tocantins”. Josi ainda disse que aguarda a vinda da Secretária da Educação à Assembléia para dar informações.

O líder do governo, deputado Junior Coimbra (PMDB), saiu em defesa da secretária e disse que a atual gestão não poderia ser responsabilizada por um resultado que foi conseqüência das ações dos governos passados, em referência ao governo Siqueira Campos.

Coimbra ainda lembrou a boa repercussão na imprensa nacional. - Recentemente a educação no Tocantins foi apontada como modelo de gestão e exemplo a ser seguido por outros Estados, em uma reportagem de oito páginas, na última edição da Revista Época Negócios, publicada no mês de fevereiro.

Outro que se pronunciou, foi Raimundo Palito (PP), ele disse que era para o deputado Agnolin mandar as informações e críticas que a secretária vem sofrendo para os veículos que fizeram as matérias, pois, segundo o deputado, eles não devem estar informados sobre o que está acontecendo na educação do Estado.

Retrospectiva

Em uma retrospectiva destes últimos anos da educação do Tocantins, a reportagem da Revista Época Negócios mostra que no ano 2000 o Estado estava no último lugar do ranking nacional de avaliação do ensino básico, tanto em português como em matemática.

Entrevistada pelo repórter enviado especial da revista, a secretária explicou sobre os antigos problemas no sistema. De acordo com ela, as falhas estavam concentradas entre a 1ª e a 5ª série.

Umberto Salvador Coelho