Ciência & Tecnologia

Programas encerrados ao acaso, inicialização demorada e documentos desconfigurados. Se o seu computador está passando por um "inferno astral" e a sua vontade é se desfazer dele e comprar um novinho em folha, saiba que a "carroça" tem conserto.

Boa parte de todos os problemas que acontecem no micro podem ser corrigidos com facilidade, apenas liberando mais espaço no disco e mantendo o hardware limpinho.

Foi o que fez o engenheiro Fabrício Torres. Durante dias, os programas de seu PC eram encerrados ao acaso e, às vezes, a máquina nem ligava. "Já tinha decidido pela formatação, mas um amigo me aconselhou a fazer uma limpeza no computador".

Durante três horas —tempo médio gasto para uma faxina no computador —Torres excluiu arquivos temporários, procurou pragas virtuais, desfragmentou o HD e até a memória entrou na limpeza.

O resultado foi um computador sem os irritantes problemas de antes e uma economia de R$ 40. Preço médio cobrado pela empresas para executar o serviço.

Para quem desejar otimizar o PC o primeiro passo é garantir que se qualquer problema acontecer durante a faxina seja possível recuperar os documentos:

1º Passo - Crie um ponto de restauração no sistema

O que é e para que serve: Antes de começar a limpeza lógica do computador, é preciso garantir que se algum procedimento der errado a recuperação de arquivos e programas seja possível. É exatamente isso que faz o Ponto de Restauração do Windows.

Com ele, o usuário "determina" que o sistema grave todas as informações contidas no PC até aquele momento e, se solicitado, as recupere. Assim, se um arquivo importante for apagado, existirá um jeito de recuperá-lo.

Como fazer: No Windows XP, clique em Iniciar > Programas > Acessórios > Ferramentas de Sistema > Ponto de Restauração. Na caixa de diálogo "Recuperação do Sistema", escolha "Criar ponto de restauração" e digite um nome para identificá-lo, por exemplo, "antes da faxina". A qualquer momento, você pode voltar a essa caixa e recuperar as informações.

2º Passo - Guarde arquivos que você não utiliza

O que é e para que serve: Depois de criar o Ponto de Restauração no Windows, é hora de guardar todos os documentos que você não acessa com freqüência em CDs, DVDs, HDs externos, pendrives ou até mesmo na Internet para liberar espaço na máquina. A escolha da mídia correta vai depender de quantos arquivos você tem na máquina.

Como fazer: Existem diversas maneiras de guardar tais documentos fora do computador. Você pode, por exemplo, compactar os arquivos e pastas direto do Explorer.

Para isso, vá em Iniciar > Meu Computador, escolha as pastas e arquivos que você deseja guardar e salve-as na mídia escolhida (se for CD ou DVD, não esqueça de "queimá-los" usando programas específicos como o Nero, Ashampoo ou CDBurner XP.

Quer guardar seus arquivos na Web e ter acesso a eles de qualquer micro? Veja seleção de sites que oferecem esse tipo de serviço na Internet

Backup online

Um outro jeito de fazer cópias de arquivos é usando a própria ferramenta do Windows XP. Com ela, é possível, inclusive, programar a periodicidade do backup. Vá em Iniciar > Programas > Acessórios > Backup. Depois, escolha quais pastas ou diretórios você quer copiar.

Por fim, a Internet oferece diversos sites e programas para guardar os seus documentos. Alguns possuem funções extras como escolher data e hora que determinado arquivo receberá uma cópia de segurança, salvar dados em formato .ZIP ou escolher quais extensões deseja copiar. Nessa lista, entram softs como o Cobian Backup, Safekeeper e Infbackup. Computador a salvo, é hora de dar um dar um trato nos arquivos que ficaram na máquina.

Arquivos temporários respondem por boa parte da lentidão do PC; veja como excluí-los

Depois de guardar os documentos que você não usa mais e garantir que a limpeza do PC será bem sucedida, é hora de excluir arquivos inúteis e dar um basta nas pragas que andam rondando os programas:

3º Passo - Apague arquivos duplicados, cookies e o histórico

O que é e para que serve: Este é o passo mais importante durante a faxina no computador. É agora que vamos apagar todo o lixo do PC vindo de arquivos criados temporariamente por programas, rastros de navegação guardados pelo browser (cookies) e o histórico das ações que fazemos na Internet. Sem eles, conseguimos liberar até 1GB de espaço.

Como fazer: No Windows XP, clique em Iniciar > Programas > Acessórios > Ferramentas do Sistema > Limpeza de Disco. Na caixa de diálogo, marque as opções Arquivos Temporários de Internet, Lixeira, Arquivos Temporários, Arquivos Temporários Offline e clique em OK.

Outra maneira de apagar os arquivos temporários é encontrar a pasta onde estão alocados. Para isso, vá em Meu Computador > Pasta C: > Documentos e Configurações > Configurações Locais > Temp e apague os arquivos dessa pasta.

4º passo - Livre o computador das pragas

O que é e para que serve: Spam, trojan, spyware, adware ou phishing. A lista de tipos de pragas virtuais não pára de crescer e os problemas que trazem para o computador também, entre eles, lentidão e desconfiguração de softwares. O jeito é sair à caça e mandar os vírus para longe.

Como fazer: O número de softwares "anti-pragas" é extenso e o procedimento para instalá-los não varia muito. Basta fazer o download dos programas, e pedir para que chequem todas as unidades de disco do PC. Muitos já trazem soluções de anti-spam integradas, o que elimina a necessidade de usar vários programas de uma só vez.

Confira uma lista de softwares antivírus

O computador já está novo em folha? Ainda não. Se você costuma instalar e desinstalar muitos programas, o último passo para concluir a limpeza é desfragmentar o disco.

Desfragmentador de disco coloca ordem no HD e finaliza a limpeza do computador

O último passo que deve ser feito na limpeza do micro é a desfragmentação do disco. Ou seja, reunir os arquivos "soltos" pelo HD em locais ideais para economizar mais espaço.

A recomendação é que você só faça a desfragmentação quando não estiver chovendo, trovejando ou com risco de falhas na energia elétrica porque o processo é lento e corre-se o risco de perder dados caso o computador seja desligado repentinamente.

Isso acontece porque a máquina salva todos os arquivos em um local temporário e depois devolve para os locais originais. Qualquer interrupção no processo pode gerar perda de dados.

5º Passo - Desfragmente a máquina

O que é e para que serve: A fragmentação do disco acontece à medida que você altera, salva ou exclui documentos. Essas alterações são gravadas em locais diferentes dos originais o que, ao longo do tempo, torna o PC mais lento já que é preciso procurar as partes do arquivo em diversas áreas do HD.

Como fazer: Para começar o procedimento vá em Iniciar > Programas > Acessórios > Desfragmentador de Discos. Na caixa de diálogo, escolha a opção Analisar. O Windows vai te avisar se é necessário fazer a desfragmentação. Se sim, clique em Desfragmentar e deixe o programa consertar os erros para você.

Da redação com informações UOL Tecnologia

Por: redação

Tags: Mundo Digital