Estado

Foto: Wherbert Araújo

Para participar da campanha estadual de coleta de sangue para o cadastro no Redome – Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea, servidores do Ruraltins – Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins se mobilizaram na manhã desta segunda-feira, 14, no escritório central do órgão, em Palmas. A coleta também faz parte da versão 2008 da Gincana de Integração, que pretende desenvolver atividades recreativas e de competição de equipes dos servidores da capital durante todo o ano.

Segundo a assistente social do Hemocentro de Palmas, Ana Carla de Aguiar Coutinho Alves, o cadastro estadual para o Redome iniciou há nove meses, com a disponibilidade dos dados em todo o planeta.

De acordo com a assistente social, até agora já foram realizados mais de 2,5 mil cadastros de possíveis doadores no Estado. Caso haja compatibilidade, o Ministério da Saúde vai custear as passagens do doador e de um acompanhante no Brasil e em qualquer outro País.

Para realizar o cadastro, o doador precisa ter idade mínima de 18 anos e máxima de 55, apresentar documento de identidade e CPF e indicar dois nomes de pessoas para possíveis contatos. Indiferente da coleta de sangue para doação, para o cadastro de doadores de medula só são necessários cerca de 4ml de sangue retirados do braço.

Fonte: Secom

Por: redação

Tags: Estado, Hemocentro, Ruraltins, Saúde