Ciência & Tecnologia

Foto: Divulgação

A internet foi o meio de comunicação que mais cresceu, percentualmente, em investimento publicitário no Brasil durante o primeiro semestre deste ano. A rede faturou R$ 321 milhões no período, uma alta de 45% em relação ao ano passado. Os dados são do projeto Inter-Meios, que mede o faturamento de empresas de mídia.

Com isso, a web se consolida como o quinto meio que mais recebe esse tipo de verba --era a sétima há um ano. No primeiro semestre, a internet ultrapassou a TV por assinatura e a mídia exterior na divisão desses investimentos.

No primeiro semestre, a rede ficou com uma participação de 3,3% no "bolo publicitário", índice bastante tímido ainda, mas que vem em crescimento constante --era de 2,7% na primeira metade de 2007 e de 1,5% em 2003, quando o investimento em web começou a ser medido pela pesquisa.

Durante todo o período de 2007, as empresas usaram R$ 526,6 milhões em publicidade na internet, uma alta de 45,8% em relação a 2006.

A televisão continua sendo a mídia que mais recebe investimento publicitário, apesar de ter perdido um pouco de espaço. A TV faturou R$ 5,6 bilhões em anúncios, o que equivale a 58,5% do valor total investido pelas empresas --no mesmo período de 2007, esse índice era de 59,3%.

Depois da televisão, a lista segue com jornais (17,2%), revistas (8%), rádio (4,3%), internet (3,3%), TV por assinatura (3,2%), mídia exterior (2,8%), guias (2,1%) e cinema (0,3%).

De acordo com o Inter-Meios, as empresas utilizaram R$ 9,57 bilhões em publicidade no primeiro semestre, contra R$ 8,22 bilhões no mesmo período de 2007, uma alta de 16,3%.

 

Fonte: Folha on line

Por: Redação

Tags: Mundo Digital, Publicidade, WEB