Polí­tica

Foto: Nelson Jr

Sete estados brasileiros, dentre eles o Tocantins, solicitaram a atuação das Forças Armadas nas eleições 2008.

Segundo portaria do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) publicada no último dia 9, serão repassados R$ 5 milhões ao Ministério da Defesa para apoio logístico. A verba não utilizada deverá ser devolvida ao TSE.

A portaria informa que "o presidente do TSE, no uso de suas atribuições, resolve autorizar a descentralização de créditos e repasse de recursos ao Ministério da Defesa em vistas ao apoio logístico a ser prestado pelas Forças Armadas durante as eleições".

No Tocantins, 8 municípios solicitaram a presença das Forças Armadas, destes um foi deferido pelo TSE (Tocantínia), 6 foram indeferidos pelo Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO) (Cachoerinha, Rio Sono, Barrolândia, Cristalândia e Formoso do Araguaia), um aguarda julgamento no TRE – TO (Xambioá), outro aguarda decisão do TSE (Itacajá).

Não há prazo para os TRE’s solicitarem o apoio, o TSE pede que as solicitações sejam feitas com antecedência.