Palmas

Foto: Walquerley Ribeiro

Mais 125 famílias de Palmas, que vivem em condições irregulares de moradia, terão sua realidade transformada por meio do projeto Cidade Solidária, no loteamento Lago Sul, como parte do programa habitacional realizado pela Prefeitura Municipal de Palmas. Nesta terça-feira, 30, a Secretaria Municipal de Habitação e Desenvolvimento Urbano(Seduh) entregará 125 casas do projeto, construídas com recursos do Governo Federal e contrapartida da Prefeitura. Ao todo o projeto beneficiará 600 famílias. A solenidade de entrega será às 8h30.

Com a conclusão destas 125 residências, o Cidade Solidária chegará ao total de 375 casas entregues, o que equivale a mais de 50 por cento de conclusão da obra. O Cidade Solidária atende famílias que ocupam irregularmente áreas verdes ou áreas públicas municipais, ou que vivem em condições precárias de moradia. Além das 600 famílias, o Programa contempla toda a população de Palmas, uma vez que as áreas ocupadas serão recuperadas e destinadas à instalação de equipamentos públicos, como praças, postos de saúde e escolas.

O Programa, que tem recursos do Ministério das Cidades, com contrapartida da Prefeitura, tem como objetivo a urbanização, prevenção de riscos e a regularização de assentamentos humanos precários, procurando atender as necessidades básicas da população e a melhoria na sua condição de moradia e inclusão social.

Além das casas, o Cidade Solidária contará ainda com Centro Comunitário e Centro de Educação Infantil.

Dados

Parceiros: Prefeitura de Palmas, Ministério das Cidades, CAIXA e Governo do Estado;

Recursos

Governo Federal: R$ 9.555.000,00 (repasse para a Prefeitura de Palmas) e R$ 2.800.000,00 (repasse para o Governo do Estado);

Prefeitura de Palmas: R$ 570.000,00 – responsável pela construção das residências, Centro Comunitário e Centro de Educação Infantil;

 

Fonte: Ascop

Por: Redação

Tags: Lago sul, Palmas