Estado

Um projeto tocantinense está entre os selecionados pela 5ª edição do Prêmio Professor Samuel Benchimol, instituído pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio(MDIC). A divulgação dos selecionados foi publicada nesta segunda, 29, no portal do MDIC no link http://www.amazonia.desenvolvimento.gov.br/.

O subsecretário estadual da Juventude, Geferson Barros, participou da comissão julgadora do concurso semana passada, em Brasília. O prêmio distribuirá R$ 195 mil para projetos que promovam o desenvolvimento sustentável na Amazônia. "Nesse ano tivemos um aumento significativo na participação de projetos tocantinenses ", disse o subsecretário.

O projeto tocantinense é do pesquisador Márcio Antonio da Silveira, doutor em agronomia, professor e pró-reitor de pesquisa e pós-graduação da Universidade Federal do Tocantins (UFT).

Silveira ficou em segundo lugar na categoria social do prêmio, com o trabalho "Alternativa de produção de etanol a partir da batata-doce voltadas a realidade dos pequenos e médios agricultores da Região Norte". O pesquisador receberá R$ 20 mil de premiação para realização do projeto.

Pela primeira vez, a premiação será entregue em Palmas. A data está marcada para 21 de novembro, no Ahãdu Eventos.

Prêmio Samuel Benchimol

O prêmio é uma iniciativa do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior em parceria com outras entidades. A missão é promover a reflexão sobre as perspectivas econômicas, ambientais e sociais para o desenvolvimento sustentável da Região Amazônica nas áreas social, ambiental e econômica/tecnológica.

O professor Isaac Samuel Benchimol, que dá nome ao Prêmio foi um intelectual, empresário e inovador que propôs o desenvolvimento sustentável da Amazônia respeitando quatro parâmetros: ser economicamente viável, ecologicamente adequado, politicamente equilibrado e socialmente justo.

 

Fonte: Assessoria de imprensa Sejuv

Por: Redação

Tags: Amazônia, Estado, Prêmio, Samuel Benchimol