Geral

Foto: Márcio Vieira

O governador Carlos Henrique Gaguim deixou à disposição do 22º Batalhão do Exército toda a estrutura de governo que for necessária para o bom desenvolvimento do Projeto Rondon – realizado em todos os estados brasileiros pelo Governo Federal. O apoio foi dado na tarde desta quinta-feira, 14, durante visita de Carlos Gaguim e do vice-governador, Eduardo Machado, ao Batalhão, em Palmas. No Tocantins, o Projeto vai ser realizado entre os dias 23 de janeiro e 07 de fevereiro.

Nas duas semanas de funcionamento do projeto, o Estado receberá 300 estudantes universitários e 36 professores de instituições de todo o país que serão divididos em equipes que percorrerão 18 municípios para contribuir com a solução de problemas em diversas áreas sociais. O Governador parabenizou o exército pelo suporte logístico que será prestado aos estudantes envolvidos na ação. “A parceria com o exército sempre será importante. E eles estão de parabéns por trazerem esse importante projeto para nosso Estado”, declarou.

De acordo com o comandante do 22º Batalhão, Coronel Martin, o Projeto Rondon será realizado graças ao apoio do Governo do Estado, e explicou qual o foco dos trabalhos: “O objetivo é o desenvolvimento local sustentável e o fortalecimento da cidadania. O projeto também irá contribuir com a formação do universitário como cidadão”, concluiu.

No Tocantins, serão atendidos os seguintes municípios: Arapoema, Colméia, Dois Irmãos, Miranorte, Divinópolis, Pium, Lagoa da Confusão, Aliança do Tocantins, Formoso do Araguaia, Nova Olinda, Itacajá, Guaraí, Miracema, Brejinho de Nazaré, Monte do Carmo, Silvanópolis, Santa Rosa e são Valério.

Ainda de acordo com o comandante do 22º Batalhão, Coronel Martin, neste ano também será realizada, no Tocantins, a maior operação do exército brasileiro em todo o país: a Operação Jalapão, que buscará a proteção do meio ambiente.

Fonte: Secom