Geral

Foto: Clayton Cristus

O presidente do Parlamento do Tocantins, deputado Júnior Coimbra (PMDB) recebeu na noite do último sábado, 10, no auditório da Assembleia Legislativa, durante a colação de grau da turma de formandos de Teologia, da Faculdade Teológica do Distrito Federal (Fatel), da qual foi paraninfo, o título em Doutor Honorias Causa em Gestão e Administração Pública. Na solenidade, o governador Carlos Henrique Gaguim (PMDB), patrono da turma, também foi agraciado com o título honorífico. A cerimônia de formatura dos 45 acadêmicos, dentre eles o deputado Pastor Pedro Lima (PR) e o deputado federal João Campos (PSDB-GO) foi marcada pelas apresentações musicais, juramento, outorga de grau e pela entrega de títulos a diversos formandos. O Pastor Pedro Lima recebeu o título honorífico de Doutor Honórias Causa em Gestão e Administração Pastoral.

Em seu discurso Júnior Coimbra agradeceu a homenagem a todos os formandos, salientou o esforço dos pastores na busca de aperfeiçoamento e da dedicação ao chamado ministerial. “Fico muito honrado em ser lembrado com tanto carinho por esses cidadãos brilhantes que venceram obstáculos para concluir esse curso. Tenho certeza que a partir de agora poderão contribuir ainda mais com a preparação de uma sociedade mais fraterna, aberta aos propósitos de Deus evitando assim demandas na criminalidade”, enfatizou Coimbra.

Antes de concluir seu discurso Júnior Coimbra sugeriu ao governador Carlos Gaguim a inclusão de ações voltadas para a comunidade evangélica a fim de ampliar o apoio a artistas evangélicos e eventos dedicados a esse público.

Ao discursar para os formandos, Carlos Gaguim, se comprometeu em atender ao pedido do presidente da AL e anunciou a destinação de horário na Redesat - Rede Pública de televisão no Tocantins, para a realização de programa evangélico. Gaguim também garantiu reforçar os apoios aos cantores e a criação de uma faculdade voltada para esse público, em Palmas. Ainda em seu pronunciamento o governador parabenizou os pastores pela participação na construção de uma sociedade menos violenta e elogiou os formandos pela colaboração com o crescimento de uma população mais justa e humanitária.

Em nome dos formandos, João Campos destacou a preocupação das igrejas com a capacitação de seus obreiros e o melhor atendimento ao trabalho evangélico. “Fico feliz em ver a forma voluntária como os servos estão buscando se aperfeiçoar. Isso é sinal que estamos comprometidos com nossa missão e quem ganha é toda a comunidade”, frisou o deputado.

Fonte: Dicom/AL