Geral

Foto: Mariana Di Pietro/Brasília

O secretário de Representação, Carlos Patrocínio, participou nesta quinta-feira, 29, em Brasília, do lançamento do Centro Nacional de Pesquisa em Pesca, Aquicultura e Sistemas Agrícolas - CNPASA, na sede da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, que contou com as presenças do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, e de ministros de Estado. Na oportunidade foram assinados convênios que integram as metas do Programa de Fortalecimento e Crescimento da Embrapa, PAC – Embrapa. A empresa comemora 37 anos de existência.

Os convênios possibilitarão a revitalização da infraestrutura, o que facilitará a execução de novos projetos, e o Tocantins é um dos beneficiados. “Estamos aqui representados pela Unitins Agro. Terá a assinatura de um convênio no valor aproximado de três milhões de reais e, com isso, a Embrapa irá levar capacitação e mais profissionalismo aos nossos produtores”, destacou o secretário de Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Tocantins, Roberto Sahium, antes do início do evento.

As possibilidades de acesso às tecnologias de produção, crédito e estocagem para criar renda e riquezas compõem os grandes desafios da Embrapa. “O PAC Embrapa é para fazer frente a esses desafios e foi pensando nisso que criamos os centros de pesquisa e a aquisição de máquinas para o Tocantins, Mato Grosso e Maranhão”, afirmou o presidente da Embrapa, Pedro Arraes. A unidade tocantinense cuidará também da pesquisa e do desenvolvimento da pesca.

O presidente Lula parabenizou os pesquisadores pelo sucesso e a contribuição com a pesquisa agropecuária brasileira. “Buscamos fortalecer a Embrapa com orçamentos da União e hoje podemos oferecer tecnologia para outros países”, afirmou o presidente. Ainda em seu discurso, Lula disse que um país só é soberano quando consegue garantir a alimentação básica de seu povo.

Aniversário

Ao completar 37 anos, a empresa comemora o sucesso da contribuição da pesquisa agropecuária para o Brasil. “O aniversário foi devidamente comemorado. Mas quem deve comemorar é o povo tocantinense, porque estamos levando a unidade da Embrapa que lutamos tanto para conseguir”, pontuou Carlos Patrocínio.

Estavam presentes no evento os ministros da Pesca e Aquicultura, Altermir Gregolin; da Agricultura, Wagner Rossi; do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Márcia Lopes; do Desenvolvimento Agrário, Daniel Maia; da Ciência e Tecnologia, Sérgio Machado Rezende, além de representantes das 17 Oepas – Organizações Estaduais de Pesquisa Agropecuária, sendo do Tocantins, o professor da Unitins – Fundação Universidade do Tocantins, Daniel de Brito Fragoso, parlamentares, entre outros convidados.

Fonte: Secom