Geral

Foto: Dicom/AL

Em entrevista ao Conexão Tocantins, o deputado estadual e presidente regional do PPS, Eduardo do Dertins afirmou que o resultado da votação nacional da executiva deve sair na manhã desta terça-feira, 22.

Ele conta que até o final da noite de ontem os membros optaram pela manutenção da aliança com o PMDB nos Estados. Dertins conta que já conversou com o presidente nacional, Roberto Freire sobre a situação regional da aliança no Tocantins. “Já está pactuado, conversamos várias vezes com o presidente inclusive na frente do governador Gaguim”, disse.

Sobre a impossibilidade de coligar com a União do Tocantins que tem como pré-candidato o ex-governador Siqueira Campos (PSDB),o deputado afirmou que o PPS não tem afinidade ideológica com o grupo. “Não existe nenhuma afinidade ideológica”, afirmou.

Dertins disse também que uma aliança com o DEM e PSDB no Estado vai prejudicar a eleição dos candidatos da sigla. “Aqui na base não tem como fazer nossos candidatos”, disse lembrando que as bases municipais dos deputados da sigla estão no grupo governista.

O deputado não acredita que haverá uma imposição da executiva nacional mesmo se o resultado da votação for pela proibição da coligação. O motivo seria a situação diferenciada do Estado.