Estado

Foto: Márcio Vieira

Em menos de trinta dias após a primeira visita, um grupo de empresários chineses da East Stan Holding retornou ao Tocantins para acertar com o Governo os empreendimentos que pretendem implantar no Estado. Para a definição de prazos e dos próximos passos da instalação da primeira fábrica e distribuidora de cosméticos, um dos ramos de atuação do grupo, o presidente da empresa, Tong Changmao, se reuniu com o governador Carlos Henrique Gaguim, em seu gabinete, na manhã desta segunda-feira, 23, no Palácio Araguaia, em Palmas.

Depois de uma longa conversa, os empresários garantiram ao governador que em cerca de 60 dias os primeiros equipamentos para a instalação da fábrica chegará ao Tocantins. “O Tocantins é um estado promissor. Queremos investir inicialmente mais de R$ 40 milhões neste primeiro empreendimento”, afirmou o presidente Tong Changmao, entusiasmado com o potencial da região onde o Tocantins está localizado.

De acordo com o governador Carlos Gaguim, a vinda de mais empresários chineses para o Estado é o resultado da busca constante que o Governo vem fazendo por novos investidores. “Fomos duas vezes à China. Mostramos nossas potencialidades, tudo para atrair grandes empresários para o Tocantins, pois sabemos que, com a instalação destas empresas, muitos tocantinenses que sofrem hoje com o desemprego, poderão ser empregados”, pontuou o governador, acrescentando que, com o funcionamento da fábrica, mais de 1.000 empregos diretos deverão ser gerados.

A audiência contou com presença do secretário de Assuntos Internacionais, Júlio Rezende, do secretário de Comunicação, Mateus Júnior e outros assessores do grupo chinês e também do Governo.

Fonte: Secom