Polí­tica

Foto: Dvulgação/Assessoria

Vote Gaguim. Este foi o pedido feito pela candidata a presidente da República Dilma Rousseff (PT) aos eleitores do Tocantins, em programa eleitoral do governador e candidato à reeleição Carlos Gaguim (PMDB), exibido na noite desta segunda-feira, 30. Antes de Dilma, seu candidato a vice Michel Temer e o ministro Alexandre Padilha (Relações Institucionais) já haviam participado com depoimentos pela reeleição de Gaguim.

Dilma ressaltou que para continuar a fazer um Brasil diferente e de oportunidades, é necessário o apoio de todos os estados brasileiros. A candidata, ex-ministra da Casa Civil, tem o apoio do presidente Lula, também parceiro do Governo Carlos Gaguim. No programa, o governador respondeu afirmativamente à candidata, ressaltando que uma das grandes defesas de seu atual e futuro governo é a manutenção da parceria com o Governo Federal, se dispondo a ajudar a candidata a melhorar o Brasil.

Emprego

Além da presença de Dilma, o programa desta segunda-feira apresentou propostas de Gaguim para a geração de empregos no Estado, com a atração de novas indústrias, a exemplo da Bunge (etanol) que já opera em Pedro Afonso, gerando 2 mil vagas de trabalho na região.

Numa parceria com o Sine, o Governo do Estado, apenas nos últimos meses, já colocou no mercado de trabalho 7.200 pessoas, por meio de cursos gratuitos de panificação, merendeira, relações humanas, entre outros. “Sabemos o quanto é importante o emprego para os nossos jovens”, disse Gaguim, defendendo o fortalecimento do Estado com a instalação de novas indústrias, aquecida com os avanços da Ferrovia Norte-Sul em solo tocantinense.

Para estimular ainda mais a geração de novos postos de trabalho, Gaguim vai construir 5 Centros de Ensino Profissionalizante, aumentar em 50% o número de bolsas de graduação e pós-graduação, construir 4 novas Casas do Estudante no Estado, entre outras propostas.

Avanços

Como mostrou o programa, em 2002, por exemplo, o Estado gerou apenas 425 empregos; e já no primeiro semestre de 2010, no Governo Carlos Gaguim, foram gerados 6.411 postos de trabalho, de acordo com o CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, do Ministério do Trabalho e Emprego).

No setor de exportações, os avanços foram notáveis, como mostrou o programa. Também em 2002, as exportações no Tocantins representavam apenas US$ 6,2 milhões. Em 2009, elas subiram para US$ 280,7 milhões.

Fonte: Assessoria de Imprensa/ Força do Povo