Geral

Discutir os resultados e avaliar ações a serem realizadas. Essas foram as pautas da reunião realizada no dia 27, às 14h30, entre gestores, associados e parceiros do projeto “Derivados de cana-de-açúcar”, no município de Dueré. O encontro aconteceu na sede da Cooperativa Santa Tereza dos Produtores de Açúcar, Rapadura e Derivados (Coopsanter), localizada no Assentamento Santa Tereza, Rodovia TO-070 km 10.

O projeto tem como objetivo promover o desenvolvimento econômico e sustentável da agroindústria regional, gerando renda para os cooperados e sucesso na gestão da cooperativa. "Desde 2008, quando o Sebrae iniciou sua atuação com a Coopsanter, a agroindústria se fortaleceu e obteve melhoras significativas em seus processos de produção e de administração. Esperamos que estes resultados se prolonguem nos próximos anos", relata o gerente do núcleo regional sul do Sebrae Tocantins, José Carlos Bessa.

Entre alguns dos resultados já alcançados pelo projeto, destacam-se a aquisição de novas máquinas e equipamentos, realização de capacitações e consultorias técnicas voltadas para a melhoria da administração e de processos produtivos. Soma-se a isso a melhoria da renda dos cooperados, apoio na divulgação dos produtos e capitação de recursos junto a outras instituições, participação em feiras e eventos do setor, e ainda a busca por novos mercados."A expectativa é que até o final do ano possam ser realizadas mais algumas capacitações e consultorias tecnológicas, de modo que a contribuir para o acesso a novos mercados e fortalecimento da cooperativa", destaca a gestora do projeto e analista do Sebrae Tocantins, Cláudia Sakai.

Desenvolvido pelo Sebrae, o projeto conta com a parceria de instituições como o Banco do Brasil, Conab, Incra, Seagro, Ruraltins, Universidade Federal do Tocantins, Petrobrás, entre outros.

CoopsanterA CoopSanter foi criada em 2007, com o objetivo de gerar renda, ocupação produtiva e integrar mulheres e jovens em atividades economicamente rentáveis em Dueré-TO, beneficiando em torno de 16 famílias. Fabrica e comercializa produtos como rapadura tradicional de tamanho maior, mini rapaduras em formato circular e açúcar mascavo.

A cooperativa teve início com o apoio do Programa Petrobras Fome Zero, por meio da seleção pública de projetos, no qual foram selecionados o projeto Reunindo Sonhos e Adoçando Esperanças com Açúcar Mascavo, Melado e Rapadura, elaborado com o apoio do Sebrae Tocantins.

Fonte: Assessoria de Imprensa/ Sebrae

Por: Redação

Tags: Agroindústria, Dueré, Sebrae