Estado

Foto: Divulgação

Com o objetivo de preservar os recursos naturais do principal atrativo turístico do Tocantins, o Governo do Estado inicia nesta quinta-feira, 02, a operação SOS Jalapão, que envolverá vários órgãos do poder Executivo Estadual e parceiros em ações conjuntas de limpeza, educação ambiental, reforma de benfeitorias e segurança. As atividades terão início na região que abrange o município de Mateiros e o Parque Estadual do Jalapão e se estendem até o dia 09 deste mês.

De acordo com o secretário-chefe do Gabinete do Governador, Daniel de Arimatéia, além das atividades do SOS Jalapão, também será desenvolvida uma ação permanente de vigilância ostensiva em toda a região. “Nós estamos montando uma base de apoio fixa, que ficará localizada na região da Cachoeira da Velha e que vai contar com o suporte de várias motos da Polícia Militar na realização dos trabalhos. Com isso nós pretendemos dar mais segurança e suporte aos turistas que visitam o local”, explicou. Ainda de acordo com Arimatéia, os banheiros e as passarelas que dão acesso às cachoeiras estão sendo reformados.

São parceiros da iniciativa a Cipama – Companhia Independente de Policiamento Ambiental; Naturatins – Instituto Natureza do Tocantins; Dema – Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Meio Ambiente; Adtur – Agência de Desenvolvimento Turístico do Estado; Secretaria de Recursos Hídricos; 22º Batalhão de Infantaria do Exército; e o Ibama.

Jalapão

O Jalapão é uma área de grande extensão territorial que apresenta características inerentes aos biomas da caatinga e do cerrado. Seus principais atrativos turísticos se concentram basicamente em quatro municípios: Ponte Alta do Tocantins, Mateiros, Novo Acordo e São Félix do Tocantins.

Apesar dos aspectos desérticos o Jalapão apresenta uma grande riqueza de águas, vários rios e córregos cortam a região - que pelo seu isolamento e pelas características do solo - e apresentam uma cristalinidade em variados tons de verde e azul.

Atualmente os turistas têm uma série de opções de lazer, como: rafting (canoagem) no Rio Novo e no Rio Sono, que possuem excelentes corredeiras; escalada e rapel que podem ser praticados em locais específicos como nas cachoeiras; treeking, ou seja, grandes caminhadas em uma expedição; cross country ou cicloturismo; parapente na Serra do Espírito Santo; e off road, com motos e carros com tração 4x4.

Fonte: Secom