Polí­tica

Foto: Divulgação

Neste sábado, 25, o candidato a governador Siqueira Campos percorreu sete cidades da região Sudeste, concluindo a agenda com uma carreata gigantesca e comício em Dianópolis.

No trajeto, em Almas, o ex-candidato a prefeito Joel Filho desfiliou-se do PP para aderir à campanha de Siqueira, acompanhado por todos os membros do PP municipal. Também em Almas, umas das lideranças mais tradicionais do PMDB, Ênio Cardoso, declarou apoio a Siqueira dizendo: "Não acredito mais no candidato do meu partido. Não posso concordar com mentira, que é a apoiar coisa que um político pode fazer", disse.

A agenda do dia começou em Brejinho de Nazaré, em reunião às margens do rio Tocantins, com a participação de milhares de pessoas, quando Siqueira falou de suas propostas para a geração de empregos.

Em especial, citou o financiamento e a assistência técnica para os produtores e o incentivo à piscicultura, com a produção de peixes em tanques rede aproveitando os recursos naturais do Estado, como o rio Tocantins e seus afluentes e o lago da UHE Luís Eduardo Magalhães.

A prefeita de Brejinho, Miuky Hyashida, falou da esperança da população com a eleição de Siqueira Campos para a realização de obras e melhorias na cidade. "Siqueira Campos é o governador da nossa esperança de dias melhores. Temos o potencial grande para a produção rural, mas precisamos de apoio, o que não temos atualmente", disse a prefeita.

Ela acrescentou que o Tocantins precisa de um governador que tenha coragem para enfrentar os corruptos e trazer de volta o orgulho de ser tocantinense.Depois de Brejinho, a comitiva passou por Silvanópolis, Santa Rosa, Monte do Carmo, Natividade e Almas, até chegar a Dianópolis

.Em Dianópolis, líderes de diversos partidos compuseram um movimento de apoio a Siqueira: Aurélio Araújo (DEM), Régis Melo (PSC), Willian Ribeiro, conhecido como Lelo (PMN), Guilherme Quidute (PRB) e o professor Jalson Leal (PSDB).

Sobre os apoios e seu projeto de chegar ao governo para erradicar a corrupção, Siqueira comentou: “Esta é a caminhada das pessoas de bem, dos homens e mulheres honestos e compromissados com o futuro do Tocantins. Não vou comentar os motivos que deram decepção a esses líderes e fizeram com que nos apóiem, mas garanto que unidos todos nós teremos força necessária para banir a corrupção do nosso Estado. Me perguntam sempre como irei garantir dinheiro para a realização de tantas obras e projetos previstos no nosso Plano de Governo e eu respondo que para o Estado ter dinheiro basta não roubar do povo", disse Siqueira Campos.

"Estamos mobilizados por uma única causa: a de salvar o Tocantins e ninguém vai nos roubar esta eleição", completou Siqueira, tomado de emoção.

Senadores

Presente ao comício de Dianópolis, a senadora Kátia Abreu lamentou fatos noticiados em nível nacional sobre corrupção. "O tocantinense não precisa passar mais esta vergonha. Nós precisamos é de gente honesta no governo e a confiança que temos em Siqueira Campos é o que nos alimenta a esperar dias melhores", disse a senadora.

O candidato a senador Vicentinho Alves falou das emendas que conseguiu para Dianópolis, como a de R$ 500 mil para asfalto, e pediu o voto para senador. "Sou ficha limpa, assim como todos vocês já sabem e podem conferir. Trabalharei por vocês, mas preciso trabalhar com unidade com o senador João Ribeiro e a senadora Kátia Abreu no Senado", disse Vicentinho.

João Ribeiro falou das obras que já garantiu às prefeituras com recursos que consegue transferir do orçamento da União. Autor de várias emendas, João Ribeiro garantiu o funcionamento de escola, a construção de creches e outras obras de infra-estrutura nas cidades.

Da redação com informações da Assessoria de Imprensa/ Siqueira Campos