Polí­tica

Foto: Divulgação Deputado eleito, Freire Júnior aguarda adesões Deputado eleito, Freire Júnior aguarda adesões

O grupo em torno do governador eleito Siqueira Campos (PSDB) ainda não começou a discutir a presidência da Assembleia Legislativa para o próximo ano.

A estratégia é primeiro conversar com os partidos que tem representantes na Casa de leis para conseguir maioria. E as articulações já começaram principalmente em torno dos deputados novatos que conseguiram mandato.

Conforme afirmou ao Conexão Tocantins o deputado tucano eleito Freire Júnior na manhça desta sexta-feira, 29, as conversas com os partidos já começaram. “Creio que já existam entendimentos e conversações nesse sentido”, frisou.

Freire afirmou que ainda não está por dentro das conversações para a eleição no entanto disse que primeiro o grupo vai buscar maioria na Casa para depois escolher um nome para disputar.

“Acredito que as conversações e entendimentos com partidos políticos que tem representantes na nova Assembleia será em torno do programa que se quer implantar no Estado e sendo assim podemos alcançar consenso dos deputados”, disse.

O grupo de Siqueira precisa de mais quatro parlamentares para conseguir maioria na Casa de leis.

Governistas e oposição

Siqueira elegeu na sua base: Luana Ribeiro (PR), Amélio Cayres (PR), José Bonifácio (PR), Marcelo Lelis (PV), Raimundo Moreira (PSDB), Freire Júnior (PSDB), Osíres Damaso (DEM), Toinho Andrade (DEM) e José Geraldo de Melo (PTB). O governador eleito precisa de quatro parlamentares para ter maioria na Assembleia.

Também do PR, Stálin Bucar já afirmou que será independente na Casa de leis.

Já na base do atual governador foram eleitos: Josi Nunes (PMDB), Iderval Silva (PMDB), Eli Borges (PMDB), José Augusto Pugliese (PMDB), Vilmar do Detran (PMDB), Sandoval Cardoso (PMDB), Amália Santana (PT), José Roberto (PT), Solange Duailibe (PT), Sargento Aragão (PPS), Eduardo do Dertins (PPS), Wanderlei Barbosa (PSB), Manoel Queiroz (PPS) e Raimundo Palito (PP).