Educação

Foto: Divulgação/Assessoria

O reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins, Francisco Nairton do Nascimento esteve esta semana no gabinete do senador João Ribeiro para assegurar que a IFTO fosse contemplada entre as emendas do parlamentar ao Orçamento da União.

Como o prazo para emendas ao Orçamento termina hoje (24), o reitor trouxe a Brasília os diretores dos seis campi do IFTO para conversar com todos parlamentares federais em busca de recursos federais para construção de ginásios, laboratórios, bibliotecas, além de aparelhamento dos laboratórios e ginásios de esportes do antigo CEFET do Tocantins.

IFTO

O IFTO existe desde 2008. Fusão de duas autarquias – a Escola Técnica Federal de Palmas (criada há sete anos) com a Escola Agrotécnica Federal de Araguatins (criada há 22 anos) – o Instituto Federal do Tocantins tem hoje seis campi. Os mais recentes – Araguaina, Gurupi e Porto Nacional – foram inaugurados ainda neste ano de 2010.

Atualmente, o IFTO conta com seis campi que oferecem 64 cursos em sete modalidades diferentes, atendendo mais de 5.700 alunos em todo o Estado.

Ampliação do Instituto

O reitor do Instituto falou sobre as metas para 2011. “Em 2011 temos projetos de aumentar o IFTO de seis para dez pólos, alcançando pelo menos mais 1.500 alunos”.

Ainda de acordo com Nairton, “o IFTO precisa do apoio de todos os parlamentares em Brasília trabalhando em favor do Instituto não somente junto ao Ministério do Planejamento mas também junto ao da Educação” declarou ao deixar o gabinete do senador João Ribeiro.

Emenda

Ao ouvir os planos do reitor e dos diretores dos seis pólos, o senador João Ribeiro se comprometeu a apoiar a instituição, incluindo-a em sua cota individual de emendas ao Orçamento com valor de R$ 100 mil, e tentando convencer os seus colegas da bancada do Estado a fazer o mesmo.

"Se todos os parlamentares priorizarem todo ano, uma parte de suas emendas ao ensino profissional no Tocantins, em poucos anos teremos um exército de técnicos em nosso Estado, o que no futuro próximo fará grande diferença", afirmou o senador.

Além do reitor, participaram da reunião os professores Márcia Amado, de Araguaina; Décio Reis, de Araguatins;Octaviano Furtado, de Palmas; Ovidio Junior, de Porto Nacional; Paulo Paes, de Gurupi e Joao Marcelo, de Paraíso.

Fonte: Assessoria de Imprensa/Senador João Ribeiro