Polí­tica

O Sindicato dos Servidores Públicos no Estado do Tocantins (SISEPE-TO) está convocando os servidores públicos para lotarem a galeria da Assembleia Legislativa nesta terça-feira dia 15 de março, às 9h, para acompanhar a votação do orçamento estadual.

Há dois meses, segundo o Sisepe, o governo vem alegando a falta do orçamento aprovado para o devido pagamento dos direitos dos servidores: parcelas do retroativo dos 25%, Redad, Redaea, diárias substituições e benefícios como vale-transporte.

O sindicato vai exigir dos deputados a imediata aprovação do orçamento. Nas últimas duas semanas a oposição compareceu no plenário da Casa de Leis para votação do orçamento, mas não se alcançou o quorum mínimo de 13 deputados devido a ausência dos governistas.

Secretários de algumas pastas como a Secretaria Estadual da Saúde indicaram nos últimos dias que atendimentos básicos à população poderão começar a ser afetados caso o orçamento não seja aprovado.

Entretanto, parte da obstrução até o momento para a não aprovação do orçamento tem sido provocada pelos próprios governistas que não tem comparecido às sessões. O governo quer a aprovação da peça, mas com revisão em relação ao que foi aprovado na Lei de Diretrizes Orçamentárias no final do ano passado.