Polí­tica

Foto: Isis Oliveira

Em rápido pronunciamento á frente do plenário da Assembleia Legislativa na manhã desta quinta-feira, 7, a deputada Solnge Duailibe (PT) defendeu a criação de uma entidade que fiscalize os trabalhos dos Tribunais de Contas de todos os Estados.

A defesa da deputada se deu em resposta ao novo julgamento do TCE do Tocantins qeue reabriu o julgamento dos contratos da prefeitura de Palmas com a empresa de limpeza urbana Delta Engenharia, iniciado no ano de 2006 e que foi firmado no valor de R$ 16,8 milhões.

De acordo com a deputada, o conrtrato de prestação de serviço firmado entre a empresa e a prefetura já havia sido julgado e aprovado pelo TCE no ano passado. As principais alegações do pleno parao novo julgamento e condenação o prefeito a pagar multa de R$ 10 mil e ao presidente da Agência de Serviços Públicos, Jair Corrêa Júnior o valor de R$ 5 mil.

Se mostrando bastante insatisfeita com a decisão do pleno do TCE, Solangedeixou tansparecer que otribunal estaria perseguindo prefeitos e prefeituras no Estado. "Não acredito que o TCE vai voltar ao tempo em que perseguia os prefeitos, as prefeituras", completou. "Torço muito para que o governo crie este este órgão que fiscalize os trabalhos dos tribunais de contas".