Saúde

Com a intenção de trabalhar a promoção, divulgação, defesa e proteção do aleitamento materno, a equipe do CAM - Comitê de Aleitamento Materno do Hospital Maternidade Dona Regina - HMDR promove até sexta-feira, 15, no auditório da instituição, curso sobre Manejo do Aleitamento Materno, direcionado aos novos profissionais da entidade.

Durante toda essa semana esses profissionais debatem temas como: IHAC - Iniciativa Hospital Amigo da Criança; promoção do aleitamento materno durante a gestação e demais questões relacionadas à saúde. Além de acompanharem a assistência às mães e gestantes durante treinamento sobre a ordenha manual e a alimentação utilizando copo.

De acordo com a presidente do CAM, Zelma Moreira da Penha, com esse treinamento todos ganham. “Essas ações estimulam a redução da morbimortalidade infantil, isso porque o leite materno é o melhor alimento até dois anos de idade. E também diminui o período de internação dos pacientes”, destaca.

Conforme Zelma, a promoção do aleitamento materno depende de toda rede. “Se o médico orientar sobre a importância do aleitamento materno e a enfermeira não reforçar pode gerar uma insegurança na mãe. Por isso, é importante que todos trabalhem e falem a mesma língua, para dar as mesmas informações”, ressalta.

Aprovação

Dentro do HMDR todas as mães são orientadas a amamentarem seus filhos de forma correta, essas informações são aprovadas pelas parturientes. É o que confirma Thais Aparecido Ribeiro, que na última sexta-feira, deu a luz ao seu segundo filho. Ela afirma que foi orientada desde a primeira gravidez sobre a importância e benefícios de amamentar. “Amamentar é uma emoção muito grande e previne doenças. O bebê cresce saudável e ajuda quando começa a nascer os dentes. O leite tem tudo que a criança precisa e a mãe volta a forma mais rápida”, disse.

A cirurgiã dentista, Lorena Carolina Pereira Pimentel, uma das participantes do treinamento aprovou também a iniciativa. “É bom os profissionais falarem a mesma língua, assim a mãe fica mais confiante e consciente da importância da alimentação do bebê somente no leite materno durante os seis primeiros meses de vida”. Lorena destacou também, que a amamentação contribui para o desenvolvimento da musculatura facial do bebê.

IHAC

O HMDR foi reconhecido em 2002 pela Organização Mundial de Saúde - OMS e Unicef como Hospital Amigo da Criança. O reconhecimento é dado a todo estabelecimento de saúde que oferece informações completas e corretas sobre o aleitamento materno, com o intuito de melhorar a prática da amamentação. Tendo como eixo central capacitar os profissionais que atuam nesses estabelecimentos para adotarem práticas e rotinas que favoreçam o aleitamento materno.

Fonte: Assessoria de Imprensa Sesau