Campo

Um dia depois do secretário da Agricultura, da Pecuária e do Desenvolvimento Agrário, Jaime Café, receber do Ibama – Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis a sinalização da possibilidade de concessão de nova licença de instalação para implantar o Projeto Sampaio, foram iniciadas discussões para fazer diagnósticos dos planos de irrigação no Tocantins.

Durante todo o dia técnicos de secretárias e autarquias do governo do Estado do Tocantins discutiram pendências de cada projeto, com foco no planejamento, gestão, convênios e os demais assuntos que envolvem a conclusão de cada ação. Entre outros, foram abordados durante todo o dia de discussão os projetos Manoel Alves, Sampaio, São João, Gurita, Pedro Afonso e revitalização do Rio Formoso.

O assessor especial do Ministério da Integração Nacional, Ramon Flávio Gomes Rodrigues, participou da série de reuniões. Ele se mostrou atencioso na busca por solução e colocação em funcionamento dos projetos. “O que a gente quer é resolver os projetos num todo e coloca-los em funcionamento”, declarou.

Os secretários estaduais Jaime Café (Agricultura) e Alexandre Ubaldo (Infraestrutura) participaram das reuniões, que contaram ainda com o secretário executivo, Ruiter de Pádua, e assessor especial da Seagro João Carlos Farencena. Empreiteiros, consultores, além de técnicos estiveram presentes.

Durante a reunião Jaime Café falou sobre o estudo do Ibama para liberação de nova licença de instalação do Projeto Sampaio. A informação foi obtida por Jaime Café durante audiência com o presidente do Ibama, Curt Trennepohl, nessa quarta-feira, 13, em Brasília. Com a emissão dessa licença, o Sampaio poderá, enfim, ser concluído.

Fonte: Assessoria de Imprensa/Seagro