Saúde

Foto: Divulgação

A Secretaria Estadual da Saúde (Sesau), por meio da Área Técnica das Leishmanioses, está capacitando, durante esta sexta-feira, 15, no Auditório do 4º andar do Anexo I da Sesau, médicos da Estratégia de Saúde da Família e dos hospitais de 27 municípios do Estado.

O curso teve início no dia 14, e tem por objetivo atualizar os participantes no diagnóstico precoce e tratamento correto da leishmaniose visceral, reduzindo principalmente o número de óbitos pela doença. Estão ministrando a capacitação as médicas infectologistas Myrlena Regina Machado e Olívia Maria Veloso.

Participam médicos dos municípios de Araguatins, Araguaína, Aragominas, Ananás, Aguiarnópolis, Augustinópolis, Axixá, Araguacema, Babaçulândia, Buriti, Conceição do Tocantins, Colinas, Colméia, Guaraí, Goianorte, Juarina, Miracema, Natividade, Nova Olinda, Palmas, Paraíso do Tocantins, Praia Norte, Pequizeiro, Porto Nacional, Santa Fé do Araguaia, Tocantinópolis e Wanderlândia.

Dados

Segundo dados da Área Técnica das Leishmanioses da Sesau, foram registrados no ano de 2010 no Tocantins, 342 casos de leishmaniose visceral, com 29 óbitos e no ano de 2011, até a data presente, já foram registrados 88 casos, com 06 óbitos.

Fonte: Ascom Sesau