Estado

A Delegacia Regional Tributária de Taguatinga apreendeu 27 toneladas de soja transportadas sem nota fiscal. A operação foi realizada na última quarta-feira, 20, na região conhecida como “Garganta”, no município de Dianópolis, no Sudeste do Estado. A carga oriunda do Tocantins era destinada ao estado da Bahia e foi avaliada em mais de R$ 16 mil.

De acordo com o delegado regional tributário de Taguatinga, Wanderley Nunes Noleto, a apreensão foi realizada pelo recém criado Comando Volante Cereais e faz parte da “Operação Cereais”, que também abrange os postos fiscais da Garganta e Duas Pontes, na região Sudeste.

Segundo Noleto, a região da Chapada das Mangabeiras, localizada entre os estados do Tocantins e Bahia, é grande produtora de soja. “A fiscalização busca monitorar, controlar e combater a sonegação fiscal de cereais no período de safra”, enfatiza o delegado.

De acordo com a legislação, o contribuinte tem o prazo de 20 dias para regularizar os débitos com a Secretaria Estadual da Fazenda (Sefaz). Não regularizando, a mercadoria pode ser disponibilizada para leilão.

Fonte: Assessoria de Imprensa/Sefaz