Polí­tica

Foto: Heleno Miguel

A deputada estadual Josi Nunes (PMDB), presidente do PMDB Mulher do Tocantins, participou no ultimo sábado, 28, da Convenção Nacional do segmento partidário.

O evento realizado na capital federal reuniu as convencionais do PMDB de todo o país, que elegeu a nova comissão executiva do partido e a nova presidente nacional do PMDB Mulher, a deputada Fátima Pelaes (PMDB-AP).

Representando o Tocantins, participaram da votação, as delegadas Maria Helena Pagano, a vereadora Cirlene Pugliese(PMDB-TO), a esposa do deputado federal Júnior Coimbra ,Laudeci Coimbra, e a secretária geral do PMDB Mulher do Tocantins, Alinne Rodrigues.

Na abertura da convenção, a ex-presidenta nacional do PMDB Mulher, Maria Elvira Ferreira pediu mais espaço para as mulheres dentro do Partido. “Queremos mais apoio. O que temos ainda não é suficiente. Ficamos muito bravas ao ver que o programa do PMDB nacional, veiculado esta semana na televisão, não colocou a cara e a mensagem de nenhuma mulher”, afirmou a ex-presidenta, que após cinco anos à frente do PMDB Mulher passou o comando para a deputada federal Fátima Pelaes (AP).

O senador Valdir Raupp, Presidente do PMDB Nacional, esteve presente no encontro e admitiu que a participação das mulheres está aquém da merecida e dos espaço que elas conquistaram na sociedade.

Atualmente, elas são apenas 10% no parlamento brasileiro, metade da média mundial, de 20%. A legislação nacional determina que os partidos preencham no mínimo 30% das vagas para as candidaturas de mulheres às assembléias legislativas, câmaras municipais e à Câmara Federal.

“Foi um lapso, um erro, que percebi tarde”, admitiu o senador Raupp, ao comentar a ausência da participação feminina no programa. “No próximo programa que vamos produzir e será veiculado em agosto, teremos 30% do tempo com elas”, disse.

Fonte: Assessoria de imprensa Josi Nunes