Saúde

Foto: Divulgação Palito comentou sobre a terceirização da saúde no Estado Palito comentou sobre a terceirização da saúde no Estado

Em entrevista concedida durante a sessão da manhã desta terça-feira, 14, o deputado estadual Raimundo Palito (PP), presidente da Comissão de Saúde, Meio ambiente e Turismo da Assembleia Legislativa, comentou sobre o convênio firmado pelo governo do Estado e a fundação Santa Casa de Misericórdia para analisar a situação da saúde e firmar um possível contrato de terceirização dos serviços médicos no Tocantins.

Na ocasião, Palito frisou que é favorável a uma possível terceirização, desde que não seja feita como em situações anteriores, quando a maioria dos profissionais – médicos e enfermeiros – vieram de fora do Estado. “Eu sou favorável à terceirização mas com todos os cargos ocupados por tocantinenses”, disse.

Durante a sessão desta manhã, o deputado convocou todos os membros, titulares e suplentes, da Comissão de Saúde, Meio Ambiente e Turismo da Casa para uma reunião interna, nesta tarde, às 14h, antes de convocar novamente o secretário estadual da Saúde, Arnaldo Alves Nunes, para debater a situação da saúde pública do Estado com o Legislativo. “Para esclarecer sobre a estrutura, funcionários, forma. Para a população saber sobre os valores dessa terceirização”, completou.

Cadastro de Reserva

Vale ressaltar que alguns dos serviços ligados a hospitais e postos de saúde tocantinenses já estão a encargo de empresas prestadoras de serviços. São, principalmente nas áreas de Higienização, rouparia e alimentação. Contudo, na área direta de atendimento de saúde à população, existe um concurso em vigência, do qual o cadastro de reserva está pronto para ser convocado, segundo Palito.

De acordo com o deputado, as informações os concursados do cadastro de reserva serão convocados a qualquer momento pelo governo. “O quadro de reserva está pronto para ser chamado”, concluiu.