Palmas

Nesta terça-feira, 14, o Diário Oficial do Município de Palmas completa 300 edições publicadas. Criada pela Lei nº 1.625, de 12 de agosto de 2009, a Imprensa Oficial, com a denominação de Diário Oficial do Município de Palmas, entrou, efetivamente, em atividade no dia 23 de março de 2010, e desde então trouxe diversos benefícios ao poder público municipal e por conseguinte à população da Capital.

O Diário Oficial Município chega à sua edição de nº 300 contabilizando dezenas de leis e centenas de atos da administração municipal publicados em meio eletrônico e ainda atingindo o propósito de trazer autonomia à divulgação dos atos públicos municipais, já que o Poder Executivo passou a contar com sua própria imprensa oficial. Antes os atos eram enviados para publicação no Diário Oficial do Estado, o que gerava custos e burocracia.

Outro ponto positivo da implantação do Diário no Município foi a economicidade. “Foi gerado uma substancial redução nos gastos com publicação em outros veículos, ainda não temos estatística, mas acreditamos que estamos seguindo o que acontece em outras cidades e aproximando dos 50% de economia”, destacou o Diretor do Diário Oficial, Iderlan Sales de Brito.

O diretor também destaca que o órgão trouxe mais transparência administrativa para os servidores, fornecedores e órgãos de controle, e a própria sociedade civil. “Trouxe amplo conhecimento dos atos da administração e inseriu Palmas entre as administrações que utilizam essa ferramenta para ter uma melhor gestão”, disse.

Fonte: Ascop

Por: Redação

Tags: Diário Oficial, Prefeitura de Palmas