Polí­tica

Foto: Philipe Bastos

Depois das discussões geradas pelo discurso do deputado José Bonifácio (PR), na manhã desta terça-feira, 28, na Assembleia Legislativa, no qual ele solicitou uma suposta “desconvocação” do secretário estadual da Segurança, Cidadania e Justiça, João Costa Ribeiro Filho para a Audiência Pública da Segurança que será realizada nesta tarde.

No pronunciamento do deputado, ele informou que a convocação do secretário foi feito de maneira errada e que, por isso, ele não poderia ser obrigado a comparecer na Assembleia Legislativa para prestar esclarecimentos sobre a situação da Segurança Pública no Estado.

No entanto, após reunião interna a portas fechadas, entre os parlamentares, ficou definido que o secretário comparecerá à audiência como convidado e não mais como convocado. Com isso, fica a encargo do secretário o comparecimento e os temas a serem respondidos por João Costa no plenarinho da Casa.

Contudo, como o próprio presidente da Casa disse, como convocado, o secretário estaria limitado a responder especificamente sobre os temas constantes no ofício de convocação. Já como convidado, o secretário irá enfrentar perguntas dos mais diversos temas, feitas pelos deputados. Isso mesmo facultado a ele se responderá, ou não.