Polí­cia

A Polícia prendeu, nesta segunda-feira, 27, uma quadrilha especializada em roubos de cargas e veículos. Durante a ação, quatro pessoas foram presas em flagrante acusadas de receptação e formação de quadrilha e dois veículos foram recuperados em Paraíso do Tocantins.

De acordo com o delegado titular da 1ª Delegacia de Polícia Civil de Paraíso do Tocantins, Hélio Humberto Espíndola Pires, a quadrilha roubava carros e cargas nos Estados do Pará, Goiás, Maranhão e em outras regiões e revendiam, na grande maioria das vezes no estado do Pará. “Identificamos que todos os presos já tinham passagem pela polícia”, disse.

Foram presos José Marilton Braga, Maritsa Vieira dos Santos, Wellington Nunes Ferreira e Deoclides Fernandes dos Santos. Conforme investigação da Polícia, Deoclides, mais conhecido como “Macauba” dava apoio à quadrilha no Estado do Tocantins e José Marilton era o chefe da organização criminosa.

A quadrilha foi identificada por policiais Militares de Monte Santo por volta das 9h30 da manhã de ontem, quando a equipe da PM cruzou com o caminhão, marca Mercedes Bens, modelo L 1313, sendo escoltado por um veículo Hyundai i30.

O fato chamou a atenção dos policiais que retornaram para averiguar. Na ocasião os bandidos fugiram em direção a cidade de Paraíso do Tocantins e abandonaram o carro no Posto Milena, de Paraíso.

O caminhão foi abordado pelos policiais de Monte Santo e recuperado e os demais bandidos foram presos pela Polícia Civil e Militar de Paraíso no fim da tarde, quando tentavam recuperar o veículo i30 anteriormente abandonado no Posto de Gasolina.

Ainda de acordo com o delegado, Hélio Humberto, os proprietários dos veículos roubados que estavam em poder da quadrilha já foram identificados e em breve tomarão posse dos mesmos. “O caminhão foi roubado próximo a Goiânia e a carga vendida em Anápolis, onde deixaram o motorista amarrado. Quanto ao veículo Hyundai i30, que também é produto de roubo, sua documentação foi falsificada. Os dois seriam trocados por madeira no Estado do Pará”, concluiu.

Fonte: Assessoria de Imprensa/PM