Cultura

Foto: Divulgação

Os fãs do cantor Lenine poderão conferir hoje, na Concha Acústica, o romantismo e o sucesso do cantor que se apresentará na FLIT – Feira Literária Internacional do Tocantins, que está sendo realizada na Praça dos Girassóis, em Palmas, até esta quarta-feira, 03.

Lenine nasceu num lar no qual o pai era comunista e a mãe católica, nos domingos se ouvia canções de todos os tipos, desde música alemã, russa, folclórica, Tchaikovsky, Gil Evans, Hermeto Pascoal e os Tropicalistas. Lenine é pernambucano de Recife, foi morar no Rio de Janeiro, em 1970, compartilhou apartamentos com amigos compositores.

Foi a cantora Elba Ramalho, já em evidência, a gravar pela primeira vez, uma composição de Lenine, depois suas composições foram gravadas por Fernanda Abreu, O Rappa, Milton Nascimento, Maria Rita, Maria Bethânia, e outros.

Lenine trabalhou na televisão com os diretores Guel Arraes e Jorge Furtado, fez a direção musical de ‘Caramuru, a invenção do Brasil’, que de minissérie virou um longa-metragem. Fez direção musical.

Na carreira artística Lenine recebeu dois prêmios Grammy Latino, um pelo melhor Álbum pop contemporâneo, com o trabalho ‘Falange Canibal’ e outro em 2009, na categoria melhor canção brasileira, com a música ‘Martelo Bigorna’.

Lenine é cantor, compositor, arranjador, músico e produtor. Hoje mais de 500 músicas levam sua assinatura, sendo que cerca de 100 delas foram gravadas por ele ou outros artistas. (Ascom Flit)