Polí­cia

No último domingo, 7, na cidade de Aliança do Tocantins, a Polícia Militar do 4º BPM foi acionada para averiguar uma denúncia de que dentro de um caminhão haviam pneus furtados. Ao chegar ao Posto de Combustível Estandarte, local onde estava o veículo suspeito, os militares aproximaram-se e iniciaram uma abordagem a três indivíduos que transitavam no referido veículo.

Após a abordagem inicial aos ocupantes do caminhão, iniciou-se a abordagem na carga do veículo, sendo constatado que havia seis pneus sem procedência e, portanto, sem nota fiscal, vários pedaços de madeira, mangueiras grossas, macacos e tambores contendo combustível diesel.

Quando os militares questionaram a origem da mercadoria e informaram do procedimento de apreensão dos objetos improcedentes e condução dos mesmos à DPC local , Wilton Pereira Andrade, 39 anos, ofereceu R$ 1.000,00 para que fossem liberados. Sendo preso em flagrante no ato da Corrupção Ativa segundo a Lei 10.763 em seu Artigo 333 e conduzidos à Central de Flagrantes da cidade de Gurupi.

Após a voz de prisão, os indivíduos confessaram o crime, explicando, inclusive, o modus operandi que utilizavam para furtar os pneus dos veículos. Segundo Andrade, eles observavam o veículo, o local e as condições dos pneus, em seguida levantavam ao mesmo tempo o veículo, retiravam as rodas e os pneus e substituíam por calços de madeira, deixando o veículo sem condições de trafegar. Costumavam realizar os furtos durante a noite, mas disse que sua quadrilha já teria furtado veículos de dia. (Ascom PM)