Polí­tica

Foto: Raquel Oliveira Reunião teve líderes de vários partidos Reunião teve líderes de vários partidos

Durante a manhã desta terça-feira, 30, os líderes partidários que compõem o grupo suprapartidário para discutir as eleições do próximo ano em Palmas, capital do Tocantins, assinaram uma carta de compromisso para começar os estudos e discussões.

Estavam presentes lideranças de 9 legendas dentre eles os pré-candidatos Edna Agnolin (PDT), Alan Barbiero (PSB), José do Lago Folha Filho (PTN) e Wanderlei Barbosa (PSB). Donizeti Nogueira (PT), Carlos Braga (PMDB), Divino Mariosan, presidente metropolitano do PT, Nilton Barbosa presidente municipal do PCdoB e Antônio Pessoa do PTdoB também participaram do encontro. Eli Borges (PMDB) e Sargento Aragão (PPS) não compareceram.

Ferdinando Fernandes do PV do deputado estadual Marcelo Lelis participou do evento mas não como representantes do Partido.

O deputado federal Lázaro Botelho (PP) não foi ao evento de oficialização do grupo mas encaminhou representante.

Na carta o grupo afirma meta de dar importante contribuição para Palmas. “Temos agora que avaliar bem a realidade concreta, estudarmos os meios, construirmos metas, para darmos uma importante contribuição ao futuro de uma Palmas cheia de oportunidade e inovação”, salientou.

Consta ainda no documento assinado que na construção de um projeto para a capital é necessário um diálogo amplo com vários setores da sociedade civil e ainda instituição de todos os níveis.

Comissões

Durante o evento o empresário Carlos Amastha (sem partido) afirmou que o trabalho do grupo deve ser levado em todas as discussões. “Para que o grupo seja respeitado”, completou.

Quatro comissões devem ser criadas para discutir os principais pontos da cidade. Um deles é desenvolvimento urbano, econômico-sustentável. O grupo pretende discutir ainda eficiência administrativa que vai avaliar os atos da gestão.

Na carta de compromisso consta ainda que o movimento terá também representantes de trabalhadores rurais e urbanos, empresários, estudantes, militantes de movimentos sociais e outros representantes. Serão realizadas também pesquisas.

Representantes

O pré-candidato Alan Barbiero salientou que o grupo se propõe a construir um projeto coletivo para a cidade de Palmas. “Nessa fase você pode consolidar uma boa cidade para todos nós ou reproduzir os problemas das grandes metrópoles”, frisou.

Representando o PTN o vereador Folha frisou que do grupo sairá o futuro prefeito da capital. O presidente do PT frisou que a união de forças na discussão vai fortalecer os rumos da capital e contribuir para o crescimento da capital.