Polí­cia

Foto: Divulgação

Por volta das 14h40 desta terça-feira, 30, três indivíduos armados com revólver e pistola invadiram a agência dos Correios na cidade de Sítio Novo-TO, a cerca de 627 km de Palmas, rendendo todos os clientes que se encontravam no local, levando celulares e dinheiro das vítimas e dos caixas da agência, segundo a Políca Civil.

Segundo informações da Polícia, os autores, após ameaças, trancaram todas as vítimas dentro do estabelecimento e espancaram com socos o gerente da agência, pois o mesmo, por causa do estado de choque e nervosismo e sob a mira das armas, esqueceu a senha do cofre, tornando impossível para os marginais levarem os valores constantes em seu interior.

Na fuga, os acusados usaram o veículo de uma das vítimas, abandonando-o na TO-126, próximo ao trevo que dá acesso a Itaguatins-TO, onde em seguida fugiram em um outro carro sentido Imperatriz-MA. Porém, por causa da perseguição policial feita pelos militares de Sítio Novo, com apoio dos PMs dos destacamentos de Bela Vista, São Miguel do Tocantins e Axixá, no intuito de capturar os criminosos, os mesmos abandonaram o segundo veículo na altura do KM 03 da rodovia 210, próximo ao trevo que dá acesso ao povoado Peso Duro, município de São Miguel.

Após fazer o cerco no local, os militares localizaram e prenderam quatro indivíduos: Jairo Alves da Silva, 36 anos; os irmãos Joenilson Teixeira Magalhães, 24 anos, e Joedilson Teixeira Magalhães, 31 anos, todos naturais e residentes em Imperatriz-MA; e Felipe da Conceição da Silva, natural de Marabá- PA, de 21 anos de idade, também residente em Imperatriz.

Com os autores foram encontrados 1 pistola calibre 40 marca Taurus e 1 carregador com 12 munições intactas; 1 revólver calibre 38, com 5 munições intactas e 1 deflagrada, 61 celulares, 2 pen drives, 2 crachás de identificação dos funcionários daquela agência, 04 carteiras com documentos pessoais e cartões de crédito, relógios, joias e uma quantia de R$ 8.818,95 em espécie.

Após serem reconhecidos por uma das vítimas que compareceram ao local, os autores, juntamente com os objetos, foram levados à Delegacia de Polícia Civil de Sítio Novo e entregues ao delegado para as providências necessárias. (Ascom Polícia Civil)