Polí­tica

Foto: Divulgação

O desembargador do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins, Marco Antony Villas Boas esteve na tarde de ontem, terça-feira, 27, com o senador João Ribeiro (PR) para solicitar apoio da bancada parlamentar para a construção de novos cartórios eleitorais no Estado. Acompanhou o encontro, o diretor geral do TRE no Tocantins, Francisco Cardoso.

O desembargador transmitiu ao coordenador da Bancada em Brasília a necessidade da construção das sedes próprias dos fóruns eleitorais de Araguaçu, Araguatins, Guaraí e Miranorte. “São quase 100 mil eleitores que deverão ser beneficiados com estes novos cartórios”, segundo o desembargador.

Custo com Aluguel

Segundo Marcos Villas Boas, nesses municípios, os fóruns trabalham em prédios alugados. “Além do custo com adequação das instalações e aluguel, esses prédios não têm atendido às necessidades da Justiça Eleitoral, com reflexo negativo para os eleitores”, explicou ao senador João Ribeiro.

Com instalações planejadas de acordo com as necessidades poderemos ter salão de atendimento, salas específicas para expediente, serviços administrativos e para realização de audiências, além de depósito de urnas eletrônicas, entre outras funcionalidades. Poderemos ter atendimento a eleitores, candidatos, partidos políticos, advogados, etc. em condições ideais, assegurando celeridade e eficácia na prestação dos serviços, justificou o desembargador.

Atualmente o Tocantins tem 35 cartórios eleitorais. Boa parte ainda está instalada em prédios alugados. O objetivo do desembargador Marcos Villas Boas é que até o final de seu mandato, em 2013, todos os cartórios do interior do Estado tenham sede própria.

Bancada Federal
João Ribeiro, coordenador da Bancada Federal, se comprometeu a levar o pleito aos deputados federais e senadores que compõe a Bancada Parlamentar do Tocantins em Brasília, para que “cada um dos 11 parlamentares possa dedicar pelo menos R$ 300 mil de emenda individual ao Orçamento da União 2012 em favor do Tribunal Regional Eleitoral do Estado construir os cartórios”.

Cronograma do Orçamento da União
Tenho certeza do apoio irrestrito da bancada em favor da justiça eleitoral do Estado, disse João Ribeiro. Nas próximas semanas terá inicio a discussão da proposta orçamentária enviada pelo Poder Executivo ao Congresso Nacional. As propostas de emendas ao Orçamento 2012 deverão ser apresentadas até o final do mês de Outubro. (Assessoria de Imprensa João Ribeiro)