Campo

Foto: Fabiola Dias

Uma equipe técnica da Adapec – Agência de Defesa Agropecuária – realizou vistorias nas propriedades rurais produtoras de soja, na região das Várzeas Tropicais, nesta quinta-feira, 13, para averiguar o cumprimento doprazo durante a entressafra, que no Tocantins encerra no sábado, 15. A ação abrangeu os municípios de Lagoa da Confusão e Formoso do Araguaia.

Os sojicultores que cultivaram a oleaginosa com destinação para sementes e pesquisas devem realizar a colheita da soja verde até findar este prazo. "Nossas equipes monitoraram durante três meses 100% da área plantada, agora estamos orientando sobre a importância do cumprimento do prazo, para a quebra do ciclo da ferrugem asiática”, explicou o responsável técnico pela Divisão de Grandes Culturas da Adapec, Raimundo Agostinho Mariano.

O plantio nas Várzeas Tropicais é uma excepcionalidade que ocorre anualmente no Tocantins. Na região da Lagoa da Confusão, a empresa Unigell Sementes representa 9 fazendas produtoras de soja, que juntas este ano, formaram uma área plantada de11 mil hectares, totalizando uma média de 3,3 toneladas por hectare. “Conseguimos cumprir o prazo e estamos finalizando a dissecagem da soja verde no tempo certo para colaborarmos com controle sanitário de pragas e ofertar ao mercado um produto de qualidade”, destacou o responsável técnicoda Uniggel Sementes, Thiago Pinheiro de Lima.

O inspetor agropecuário da Adapec, Luiz Alves Lira, afirma queeste ano a incidência da ferrugem asiática diminuiu 90% em relação ao ano passado. “Estamos comemorando este grande avanço em parceria com os produtores que são considerados profissionais e estão cada vez mais conscientes da importância de quebrar o ciclo da praga para o aumento e melhoria da produtividade”, afirmou.

A partir do dia 15 de outubro, o produtor que descumprir a medida, estará sujeito à multa, interdição da propriedade, destruição do plantio, entre outras.

De acordo com a supervisora técnica da Adapec de Formoso do Araguaia, Meire Lúcia Barros de Melo, os produtores deste município estão praticamente com toda a área colhida. O total é de 16.260 hectares que devem render 3,1 toneladas de grãos por hectare.

Entressafra

Em 2010, a área plantada nas Várzeas Tropicais foi de 28 mil hectares, que resultaram em 78.623 toneladas de grãos. Nesta região, foi comprovado cientificamente baixo risco de proliferação da Ferrugem Asiática.

No Estado,a área quecompreende as regiões de várzeas tropicais são: Formoso do Araguaia, Dueré, Pium, Cristalândia, Santa Rita e Lagoa da Confusão, devido às condições climáticas e territoriais encontradas nessas regiões. (Assessoria de Imprensa Adapec)