Cultura

Foto: Divulgação Braguinha é o principal difusor do ritmo catirandê que mistura a sússia e catira Braguinha é o principal difusor do ritmo catirandê que mistura a sússia e catira

O precursor do Catirandê no Tocantins, o artista regional Braguinha Barroso comentou ao Conexão Tocantins sobre o anúncio do governador Siqueira Campos da construção do *“Catirandê Park Show”.

Siqueira divulgou durante visita ao Amazontech nesta quinta-feira, 21, a intenção de construir o novo centro de eventos com o nome que contempla um ritmo genuíno do Estado: o catirandê. “É uma ideia brilhante, o governador enxergou longe com essa iniciativa contemplando o resgate da cultura tocantinense com dignidade”, frisou Braguinha.

Braguinha é o principal difusor do ritmo catirandê que mistura a sússia e catira. Junto com os grupos de Catireiros de Natividade o cantor difunde pelo Estado a diversidade do ritmo. “Catirandê é coisa de negro. Há mais de 15 anos eu vim para o Tocantins querendo descobrir esse novo ritmo que mistura a sússia com a batida da catira. Vim para o Estado com a iniciativa de difundir esse movimento”, salientou.

Com a proposição da homenagem ao ritmo através da construção do novo parque de eventos o catirandê terá a oportunidade de ser mais divulgado pelo Estado. Este ano o governador Siqueira Campos (PSDB) chegou a afirmar que o ritmo representa a diversidade cultural do Estado.

Durante o anúncio, Siqueira Campos chamou atenção para a valorização do ritmo e a abertura de mais um espaço para eventos no Estado o que colocará também o Tocantins na rota de grandes eventos nacioanis. “Precisamos valorizar o que é nosso, nossos artistas e levar o nosso Tocantins para todo o Brasil. Essa é uma forma de elevar o nosso povo à posição de grandeza que ele merece, para que nosso povo possa ser mais feliz, realizar seus sonhos e ter oportunidade de obter mais conhecimento”, frisou o governador.

O nome do novo espaço de eventos divulgado pela Secretaria de Comunicação veio com a letra K diferente da escrita do nome do ritmo. A assessoria do goverandor confirmou ao Conexão Tocantins que o nome do Park será mesmo diferente do ritmo.As obras, segundo o governador, começam no próximo ano.

Trajetória

Uma música com mesmo nome do ritmo Catirandê, composição conjunta de Braguinha com Lucas Faria, foi vencedora no Festival Canta Cerrado da TV Globo em 1995 no Distrito Federal. “Essa música virou um movimento, um ritmo. Um grupo de foliões de Natividade que eu ajudei a criar, hoje os catireiros de Natividade, aqui no Tocantins, começou a divulgar e eu enxerguei que a música do Tocantins começava com eles”, salientou. A música fez parte inclusive da trilha sonora da novela Araguaia da Rede Globo.

Braguinha iniciou sua trajetória musical cantando em coral de igrejas quando aprendeu a tocar vários instrumentos e logo depois começou a se apresentar em bares. Braguinha já tocou em banda de festivais quando veio o destaque na carreira. “Com a levada da folia, com as particularidades que aprendi aqui no Tocantins”, conta. O primeiro lugar que Braguinha fez show no Tocantins foi em Natividade junto aos chamados catireiros que são músicos repentistas que cantam seus poemas ao som do pandeiro, da caixa e da viola.

* O Conexão Tocantins trata desde já o nome do novo aparelho que será construído, como Catirandê Park Show, diferente do que tem sido divulgado oficialmente como "Katirandê Park Show", por entender que, escrito com "K" há uma descaracterização no plano semântico da raiz cultural do nome do ritmo que nomeia o novo aparelho.