Polí­cia

Foto: Divulgação

Na tarde desta quarta-feira, dia 09, policiais militares do 5º Batalhão em Porto Nacional e da ROTAM – Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Grupo Especializado da CIOE) prenderam, em flagrante, José Carlos de Sousa, 25 anos, e Edílson Enes de Sousa, 35 anos. Os dois foram presos por portarem, em um veículo Pálio preto, placa NXA-7768, uma pistola PT 100 calibre 40 e um fuzil com identificação do exército argentino, ambos com numeração raspada, e ainda 04 carregadores de fuzil 7,62.

O fato aconteceu por volta das 12h desta quarta-feira, após a Polícia Militar ser acionada via 190 por um fazendeiro, o qual informou que naquela região rural, próximo a uma fazenda, haviam dois homens desconhecidos em atitude suspeita, mexendo em um carro Fiat Pálio preto, na estrada que liga Porto Nacional a Paraíso do Tocantins.

Quando as equipes da PM chegaram ao local os autores saíram em alta velocidade por uma estrada não pavimentada. Após alguns quilômetros de perseguição os mesmos foram alcançados na rodovia TO-255, que liga as cidades de Porto Nacional e Fátima.

A abordagem aconteceu na altura do Km 53. Após busca pessoal e veicular os militares encontraram amarrados ao para-choque trazeiro do carro: 01 Fuzil 762 (identificação do Exército Argentino) com 04 carregadores, com numeração raspada; 01 pistola PT100 .40 marca Taurus com 01 carregador (com identificação da Polícia do Estado do Mato Grosso), também com numeração raspada; 01 percussor provavelmente de um fuzil 762. Dois celulares da marca samsung também foram apreendidos.

Em seguida, os autores e as armas foram conduzidos para a Depol, onde foram autuados em flagrante delito por porte ilegal de arma de fogo. (Ascom PM)