Polí­tica

Foto: André Camargo Destaques apresentados pelo senador João Ribeiro acrescentaram mais R$ 37 milhões às emendas dos parlamentares do Tocantins Destaques apresentados pelo senador João Ribeiro acrescentaram mais R$ 37 milhões às emendas dos parlamentares do Tocantins

O plenário do Congresso Nacional – 513 deputados federais e 81 senadores - aprovou minutos antes da meia noite desta quinta-feira (22), o Orçamento Geral da União de 2012, que soma R$ 1,6 trilhão. Desse valor já estão descontados R$ 655 bilhões destinados ao refinanciamento da dívida pública. O projeto segue para a sanção da presidente Dilma Rousseff.

Graças aos destaques apresentados de ultima hora pelo coordenador da Bancada Parlamentar, senador João Ribeiro, foram acrescidos mais R$ 37 milhões às emendas dos parlamentares do Tocantins. No cálculo final, o Tocantins foi a 6ª bancada estadual mais bem atendida pelo Orçamento Geral da União (OGU) ficando atrás somente de MG, SP, BA, RJ e PE.

Votação Dificil

Depois de intensa discussão e diversas manifestações populares, a aprovação, com alterações, do substitutivo de autoria do deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP) só foi possível graças a um acordo entre as lideranças partidárias, que se comprometeram com a criação de uma política de valorização e ganho real de aposentadorias e pensões. Essa política deverá ser elaborada em conjunto pelos representantes de aposentados e pensionistas e o Palácio do Planalto.

Ao longo do dia, os servidores do Judiciário e do Ministério Público da União (MPU) se concentraram na sala de votação da Comissão de Orçamento (CMO), onde fizeram muito barulho como forma de pressionar os parlamentares por um reajuste, o que não impediu com que o Tocantins fosse atendido pelo relator do Orçamento Federal.

Tocantins

Na semana passada, o relator deputado Arlindo Chinaglia já havia confirmado ao senador João Ribeiro que o Estado havia tido um acréscimo de cerca de 80% do valor anteriormente aprovado pelos relatores setoriais. Dos R$ 255 milhões que haviam sido admitidos, o Tocantins teve um acréscimo de mais R$ 182 milhões, totalizando R$ 437 milhões em recursos federais solicitados pela bancada de deputados federais e senadores tocantinenses.

Ontem à noite, o senador João Ribeiro conseguiu convencer o deputado Chinaglia que o Tocantins necessitava de mais recursos para investimentos no Estado, conseguindo com que OGU 2012 fosse aprovado com mais R$ 37 milhões para o Estado. “Chinaglia é médico e um político sensível. Apesar da pressão de outros setores e demais estados, ouviu com interesse meus argumentos e soube reconhecer as necessidades do nosso Estado”, ressaltou o tocantinense.

Natal longe de Palmas

Diante da dificuldade em aprovar o Orçamento da União este ano, o senador preferiu não viajar para Palmas neste Natal. “Não sabia como seria o ritmo da votação. Em anos anteriores, o Orçamento foi votado horas antes do Natal. Como coordenador da Bancada, não dava para deixar Brasília antes de ver aprovado o OGU 2012”, lamentou João Ribeiro que este ano festejará o Natal longe dos irmãos, filhos maiores e netos. (Assessoria de Imprensa João Ribeiro)