Polí­tica

Foto: Divulgação

O mais novo partido do Brasil e do Estado, Partido Social Democrático – PSD pretende lançar candidaturas em 80 municípios do Tocantins segundo estimou ao Conexão Tocantins nesta quarta-feira, 8, o presidente regional da legenda e vice-governador do Estado, João Oliveira.

O presidente frisou que o partido está aberto para alianças e composições. “O PSD não terá problemas com ninguém no Estado. Todos os que queiram estar conosco estamos abertos. Temos nomes em praticamente todos os municípios”, explicou.

Com relação ao posicionamento do partido em Palmas o presidente frisou que não há nenhuma decisão tomada pela legenda. “Não há nada definido. O partido tem simpatia pela candidatura do Marcelo Lelis mas não há nenhum acordo”, frisou.

O vice-governador relatou ainda que o partido é leal ao governador Siqueira Campos (PSDB) e aos companheiros do grupo por isso vai apoiar o nome defendido pelo Palácio Araguaia. “Somos de um grupo leal ao governador, precisamos sentir, ouvir, conversar. Somos um partido ligado a Siqueira Campos”, reafirmou.

A senadora Kátia Abreu, liderança nacional do PSD já teria inclusive iniciado conversas com Lelis sobre o pleito de outubro. Porto Nacional é um dos municípios onde o partido tem a pré-candidatura do deputado estadual Toinho Andrade que mantém seu nome na disputa mas há uma grande tendência em apoiar o irmão, Otoniel Andrade (PSDB) na disputa.

O PSD tem César Halum, com base eleitoral em Araguaina e Irajá Abreu como deputados federais. Toinho e Sandoval Cardoso são os representantes do partido na Assembleia Legislativa.