Estado

Foto: Divulgação

O vice-governador João Oliveira recebeu no final da tarde deste domingo, 25, no Palácio Araguaia, Eiji Sugiyama, diretor de Desenvolvimento de Projetos de Biomassa; Roberto Hukai e Zilá Silva de Melo, consultores da Toyota Tsusho Corporation. Também faziam parte do grupo, Carlos Buyo, representante do Grupo Toyota no Brasil, e Jeancarlo Silva de Melo, presidente da Ethanol, BioOil & Bioenergy S.A.

A Toyota Tsusho Corporation, com sede em Nagoya e Tóquio, é um membro do Grupo Toyota. É uma das maiores empresas de comércio do Japão e sexta do mundo. Sua receita anual é da ordem de US$ 30 bilhões e emprega 27 mil pessoas. O negócio principal da empresa é apoiar a Toyota Motors e outras empresas do Grupo Toyota.

Mas o que trouxe os representantes da Toyota Tsusho ao Tocantins é o desejo de investir em novos projetos na área de biomassa. Hoje a empresa produz plástico a partir da biomassa e do etanol. Segundo Eiji Sugiyama, o Tocantins tem uma das melhores logísticas do País e, daqui, será possível escoar novos produtos para o mundo inteiro. Os empresários devem visitar nesta segunda-feira, 26, a planta industrial da Bunge em Pedro Afonso e o pátio multimodal da Ferrovia Norte Sul em Palmas/Porto Nacional.

Em nome do governador Siqueira Campos, o vice-governador João Oliveira colocou o Estado à disposição do Grupo Toyota, convidando a empresa a investir no Estado, que hoje é uma nova fronteira econômica do País. Presentes à reunião, o secretário Jaime Café, da Agricultura; Paulo Massuia, da Indústria e Comércio; e José Jamil Fernandes, da Fazenda, apresentaram aos empresários as potencialidades do Tocantins e os incentivos a novos investimentos no Estado. Compuseram a equipe do Governo do Tocantins na audiência o diretor de Agroenergia da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Luiz Eduardo Borges Leal e André Pugliese, diretor da Secretaria da Indústria e Comércio, que fez uma explanação sobre a logística brasileira a partir do Tocantins. (Secom)